Aliança Renault-Nissan e as Nações Unidas são parceiras para a mobilidade zero emissão na Rio+20

Postado por -

Uma frota de veículos elétricos da Aliança Renault-Nissan fará o traslado dos representantes das Nações Unidas durante a Conferência sobre Desenvolvimento Sustentável no Rio de Janeiro, a maior cúpula ambiental do mundo.

A conferência, que acontece de 13 a 22 de junho, marca a primeira vez em que a ONU utilizará uma frota especial de veículos zero emissão para fazer o traslado de seus representantes.

Mais de 50.000 participantes, incluindo 400 da ONU, estão sendo esperados para integrar a cúpula – chamada de “Rio+20” –, que comemora o 20º aniversário da Cúpula das Nações Unidas sobre o Planeta realizada no Rio de Janeiro em 1992, quando os países entraram em acordo sobre um plano de ação para o crescimento econômico, a igualdade social e a proteção do meio ambiente.

“Um importante tópico da Rio+20 é a ‘cidade sustentável’ e os veículos zero emissão podem contribuir para assegurar a qualidade de vida nas áreas urbanas”, informou Kathleen Abdalla, responsável pela organização e logística da Rio+20 no departamento de assuntos econômicos e sociais da ONU. “É muito bom poder incluir veículos zero emissão em nossa frota, para que possamos mostrar como os veículos elétricos podem reduzir a poluição sonora e eliminar as emissões dos gases de escapamento. No Brasil, onde a maior parte da eletricidade é gerada através de recursos renováveis locais, os veículos elétricos são uma excelente opção de transporte com baixos níveis de emissão de carbono”.

A frota de veículos de traslado utilizada no setor de convenções do Riocentro inclui:

• O Renault Fluence Z.E., um sedan feito para toda a família, cuja comercialização foi iniciada na Europa no final do ano passado;
• O Renault Kangoo Z.E., um pequeno furgão elétrico premiado com o título de International Van of the Year 2012; e
• O Nissan LEAF, o veículo elétrico mais vendido da história, com 32.000 unidades comercializadas em três continentes.

Veículos elétricos – contribuindo para o transporte sustentável

Os veículos da Aliança, incluindo o novíssimo Renault Twizy, um veículo de dois lugares para uso urbano cuja comercialização foi iniciada na Europa no segundo trimestre deste ano, também estarão expostos no estande do Fórum Mundial sobre Povoamentos Humanos (GFHS), na arena HSBC. Também será possível fazer test drives com alguns destes modelos elétricos.

No início deste mês, a Nissan anunciou um programa-piloto em São Paulo para o uso de táxis na maior cidade da América do Sul. Os dez Nissan LEAFs utilizados no programa serão conduzidos por motoristas de táxi profissionais, que poderão recarregar suas baterias de íon-lítio em cinco pontos de recarga distribuídos pela cidade. Os carregadores rápidos permitirão que os motoristas recarreguem suas baterias de zero a até 80% da capacidade, em aproximadamente 30 minutos.

A Aliança Renault-Nissan assinou mais de 120 Memorandos de Entendimento com governos de todo o mundo, incluindo a Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, México e Porto Rico, para estudar como os veículos elétricos podem preservar o meio ambiente e melhorar a qualidade de vida nas cidades.

O objetivo da Rio+20 é motivar governos, empresas e organizações não governamentais a adotarem políticas sustentáveis para reduzir a pobreza, criar empregos e promover mais políticas de energia sustentável.

No dia 13 de junho, durante a abertura da Rio+20, foi realizada uma cerimônia especial para inaugurar o serviço de translado zero emissão. Em 18 de junho acontecerá o “Fórum Global de Mobilidade Elétrica: tornando o transporte verde para o desenvolvimento sustentável”, que incluirá um discurso inaugural de Toshiaki Otani, Diretor Geral da Divisão de Baterias da Renault-Nissan e Vice-Presidente Sênior das divisões mundiais de Baterias e Zero Emissão da Nissan Motor Co., Ltd. No mesmo dia, acontecerá a “Conferência sobre Povoamentos Humanos Sustentáveis”, organizada em conjunto com o GFHS.

A Aliança Renault-Nissan é líder mundial em veículos elétricos e o único grupo automobilístico a comercializar uma linha de carros zero emissão a preços acessíveis. Até o final do exercício de 2016, a Aliança pretende vender 1,5 milhão de carros zero emissão em todo o mundo.

Leia também:

Kurt Rudolf busca a liderança no Brasileiro de Supermoto

Chegam ao mercado os novos Fiat Palio Weekend, Strada e Siena EL: mais atraentes, modernos e completos

Dois Porsche na parte da frente do Am GTE

Fonte: Renault press

Samoel Weck é jornalista e apresentador de rádio e TV a 30 anos. Diretor e responsável pela Mídia Carros e Marcas, que engloba o Portal Carros e Marcas e o Programa Carros e Marcas TV.