Argentina entra na briga para receber prova da Fórmula Indy

Postado por -

Um dos detentores dos direitos da Indy no Brasil, Willy Hermann afirmou que o grande adversário para a realização de uma segunda corrida da categoria no país – a São Paulo Indy 300 tem contrato até a temporada de 2019 – é a Argentina.

Os argentinos demonstraram interesse em sediar uma prova em Buenos Aires, o que gerou uma inesperada concorrência a Porto Alegre, que, por sua vez, continua negociando com a Indy uma prova em circuito de rua.

Pesa a favor dos brasileiros o fato de as tratativas já estarem em estágio mais avançado, além do fato de a Argentina ainda não ter decidido o local da possível prova – no Autódromo Oscar Galvez ou nas ruas de Buenos Aires.

Como a direção da Indy não pretende promover corridas demais fora dos Estados Unidos, a tendência é a de que ou o Brasil ou a Argentina sejam preteridos. Ou seja, na eterna rivalidade entre os países, um deles vai dançar.

"A negociação com Porto Alegre está em curso. Dentro do plano de expansão da Indy está a realização de duas corridas na América do Sul a partir de 2014. No momento, está tudo igual entre Brasil e Argentina, não há nada certo nem aqui ou lá", explicou Hermann.

"A proposta da Indy é contrária à da F1. A Indy é uma categoria americana que se apresenta em outros países, mas o centro da Indy sempre será Indianápolis e as provas nos Estados Unidos", finalizou Hermann.

Leia também:

Mini prepara coupé JCW GP

Com 750 cv, LP 750 da Edo Competition é o Murciélago mais potente da história

Olímpiadas com frota ambiental

Fonte: LancePress!

Samoel Weck é jornalista e apresentador de rádio e TV a 30 anos. Diretor e responsável pela Mídia Carros e Marcas, que engloba o Portal Carros e Marcas e o Programa Carros e Marcas TV.