Copa Mineira de Rally começa a temporada com 34 carros

Postado por -

Rodada dupla realizada em Baldim, no último sábado, dia 16, contou com participantes de dez cidades do estado.
 
Mais de 60 competidores participaram da abertura da Copa Mineira de Rally de Regularidade, no fim de semana na Serra do Cipó. As etapas um e dois abriram a temporada que, ao final do ano, terá prêmios em dinheiro e sorteio de brindes aos mais assíduos. Em Baldim, pilotos e navegadores enfrentaram trilhas rápidas, balaios e muitas travessias de riachos.
 
Uma das quatro categorias mais disputadas, a Master (fusão das antigas Super Master e Master), teve como vencedores da rodada dupla uma equipe reconhecida no certame nacional. Fernando Lage e Rafael Dal Bello foram os mais regulares nas duas etapas e aprovaram o novo percurso: “O trecho era bem legal, com trilhas difíceis, cheias de subidas e descidas íngremes. As médias de velocidade também estavam justas para uma prova travada, aumentando a dificuldade”, comenta o piloto Lage. O navegador teve um pouco menos de trabalho, mas também achou a prova complicada: “O trecho exigiu mais de pilotagem do que navegação. A trilha estava pesada para manter a média e não foi fácil para o Lage”, finaliza Dal Bello.
 
Nas cerca de quatro horas previstas para o Rally, uma pequena parte ao final da segunda etapa foi cancelada devido a um carro ter atolado em um dos brejos. Mesmo com o imprevisto, a dupla vencedora da Senior comemorou o resultado: “Apesar do que houve, a prova estava excelente e a parte cortada foi pequena, sem grandes prejuízos aos competidores. Foi um Rally completo, com um pouco de tudo das dificuldades que conhecemos”, analisa o piloto Olney Lamas. As características de Baldim também agradaram seu navegador: “Eram vários riachos, balaios rápidos e uma trilha excelente! A planilha estava muito bem feita e conseguirmos nos guiar sem contratempos. Melhor ainda será se nas próximas etapas tivermos este nível técnico”, declara Giovani Hostalácio.
 
Dentre as categorias para competidores estreantes, a Jeep e a Turismo, a rodada dupla na Serra do Cipó recebeu 18 carros, maior parte do grid. Quem veio pela primeira vez competir uma prova como as da Copa Mineira aprovou a experiência e quer andar mais na terra: “Pela minha estreia, achei excelente! O evento é muito organizado e a trilha estava sensacional, com obstáculos interessantes. A partir de agora pretendo ir a todas as provas, ganhar experiência, em breve comprar os equipamentos de navegação e num futuro próximo mudar de categoria”, declara o piloto Daniel Gustavo, vencedor da categoria Jeep Estreante ao lado de seu navegador Josiano Pires Mendes.
 
Para o presidente do Jeep Clube Minas Gerais, Ugo Bubani, a primeira rodada dupla começou de forma positiva: “Foram etapas um pouco diferentes das que os competidores estão acostumados, com mais trilhas para os 4×4. Foi gratificante receber os antigos pilotos e navegadores, porém mais ainda ter um bom grid de estreantes que andaram bem e sem se perder. Agradeço em nome do JCMG o apoio da Prefeitura de Baldim através de seu governante Ivan Diniz, demais autoridades públicas presentes e aos nossos patrocinadores”.
 
Além de proporcionar aventura aos seus competidores, a organização da Copa Mineira de Rally de Regularidade também cumpriu sua responsabilidade social, doando à prefeitura mais de 500 bolas compostas de sementes de árvores da mata atlântica, como cedro, aroeira e copororoca, cedidas pelo piloto Bruno Moreira de Inhapim/MG e com orientações técnicas do Instituto Oksigeno.

Fonte: NULL

Samoel Weck é jornalista e apresentador de rádio e TV a 30 anos. Diretor e responsável pela Mídia Carros e Marcas, que engloba o Portal Carros e Marcas e o Programa Carros e Marcas TV.