F-Truck: destaque de 2012, Maistro ressalta confiabilidade

Postado por -

O piloto da equipe Girho’s na Fórmula Truck, João Maistro, vem se configurando em um dos destaques da temporada 2012 da categoria. O paranaense da equipe Clay Truck Racing vem sendo um dos pilotos que mais progrediram em termos de desempenho nas últimas corridas.

Em quatro corridas disputadas até o momento (Velopark, Rio de Janeiro, Caruaru e Goiânia), o representante da Volvo pontuou em três delas, acumulando um total de 30 pontos, se posicionando em nono no campeonato, à frente de nomes experientes, como Renato Martins, Geraldo Piquet e Pedro Muffato, e bem próximo de outros rivais renomados, como Felipe Giaffone e Roberval Andrade.

Segundo Maistro, o ponto alto da equipe nesta temporada, comprovado na última prova, quando foi o terceiro colocado em Goiânia, obtendo o melhor resultado da carreira, é a resistência de seu caminhão vermelho e preto número 14. "Nós conseguimos um nível muito bom de resistência do caminhão para a corrida de Goiânia. Fez muito calor, mas o caminhão aguentou bem. Durante a corrida o caminhão aqueceu um pouco, tive que dar uma aliviada no pé, mas aí acho que uma nuvem cobriu o sol, caiu a temperatura um pouquinho, pude voltar a acelerar. Foi um resultado ótimo, a gente estava precisando de um resultado como esse."

A confiabilidade, de acordo com o piloto da Girho’s também será o ponto alto da próxima etapa, em Interlagos, marcada para o dia 8 de julho. "São Paulo também costuma ser uma etapa de resistência. Lá eu devo me sair bem, meu caminhão tem uma suspensão muito boa, traciona bem, isso deve fazer a diferença no miolo. A dificuldade maior têm sido os treinos de classificação. Preciso largar um pouquinho mais à frente, aí o pódio fica mais perto", identifica.

Contudo, Maistro sabe que há espaço para melhorar o potencial de seu Volvo. "O que falta ao nosso caminhão é um pouquinho mais de potência. Nós sempre diminuímos a potência para ter mais resistência. Aumentando a potência, você diminui a durabilidade do equipamento, e aí o gasto é maior. Para combinar as duas coisas, é preciso investir. Se conseguirmos manter resultados assim, o interesse de patrocinadores aumenta. É o caminho".

Leia também:

"Fórmula 1 está melhor do que nunca", afirma Peter Sauber

Nissan revela primeiras imagens do Juke Nismo

Na Tailândia a GM começa a produzir a nova Blazer

Fonte: MS2 comunicação

Samoel Weck é jornalista e apresentador de rádio e TV a 30 anos. Diretor e responsável pela Mídia Carros e Marcas, que engloba o Portal Carros e Marcas e o Programa Carros e Marcas TV.