GT Brasil:Wagner Ebrahim supera Sérgio Jimenez e Paulo Bonifácio por diferença mínima em Interlagos

Postado por -

Wagner Ebrahim cruzou a linha de chegada apenas 0s034 à frente de Sérgio Jimenez.  Foi uma das disputas mais interessantes da história do Itaipava GT Brasil. Foi a primeira vez que o Mercedes-Benz SLS AMG foi superado desde a estreia na categoria: desde então, havia vencido as três corridas que disputou, até ser superado neste domingo (18) pelo Audi R8 LMS.

“Foi uma corrida muito difícil. Tivemos vários problemas ontem e por isso jamais imaginei que fosse vencer hoje. Lutei o máximo até a hora que consegui ter um bom ritmo de corrida. No final, ficou bem complicado. Eu estava mais rápido nas curvas de alta e aproveitava para abrir, mas ele (Sérgio Jimenez) tirava a vantagem na reta”, contou Wagner Ebrahim.

“A última volta foi bem sofrida, mas deu tudo certo. Fizemos um trabalho excelente e estou muito feliz com o resultado. Acho que o equilíbrio de desempenho da categoria está muito bem feito. Um carro não pode vencer todas, então se continuar assim no ano que vem teremos uma temporada muito legal”, destacou o piloto, que ganhou pela terceira vez em 2011.

Sérgio Jimenez contou que faltou um pouquinho de equilíbrio para ultrapassar Wagner Ebrahim. “Nós tínhamos um carro bem rápido e o Boni trabalhou bem no começo da corrida, me entregou em terceiro. Sozinhos, virávamos muito bem, mas o problema é que atrás do Wagner perdíamos em termos de aerodinâmica exatamente nos trechos que antecediam pontos de ultrapassagem”, falou Jimenez.

“Na chegada, eu não sabia para onde ir”, acrescentou Wagner Ebrahim, referindo-se à disputa entre eles na reta final em Interlagos. Os campeões antecipados Valdeno Brito e Matheus Stumpf, de Ford GT, completaram o campeonato com um pódio, em terceiro lugar. “Estou muito feliz com o resultado, mas não dava para segurar o Jimenez”, revelou Valdeno Brito.

“O Matheus poupou pneus, mas o carro estava muito ‘traseiro’, parecia que ia rodar todo momento. Tanto que quando o Jimenez chegou nem ofereci resistência. O Mercedes é mesmo um carro fantástico, não aparece em uma volta rápida, mas na corrida tem um ritmo impressionante”, elogiou o piloto, que ao lado de Matheus Stumpf comemorou seu segundo título na GT3.

Pela classe Master, o campeão foi Cleber Faria. Ele estava entre os favoritos à vitória na última corrida da temporada, largou na pole position, mas acabou atingido por Aluízio Coelho, parceiro de pilotagem de Juliano Moro, quando liderava a prova. A nova temporada do Itaipava GT Brasil tem início previsto para 17 e 18 de março de 2012, também no circuito de Interlagos, em São Paulo (SP).

O RESULTADO FINAL EM INTERLAGOS
1º) 20 – Wagner Ebrahim (AU, PR), 29 voltas em 51:12.735 (média de 146,40 km/h)
2º) 22 – S.Jimenez/P.Bonifacio (MB , SP/SP), a 0.034
3º) 7 – V.Brito/M.Stumpf (FO , PB/RS), a 11.254
4º) 33 – B.Garfinkel/R.Mauricio (LA , SP/SP), a 16.473
5º) 105 – V.Faria/R.Guerra (LA , SP/SP), a 17.356
6º) 5 – J.Moro/A.Coelho (FO , SP/SP), a 33.001
7º) 30 – Cleber Faria (LA , SP), a 1:03.379
8º) 8 – G.Figueroa/M.Paludo (LA , PR/RS), a 1:14.573
9º) 75 – H.Assunção/R.Kastropil (LA , SP), a 1:14.758
10º) 11 – R.Lapa/A.Dueñas (VI , SP/SP), a 1:24.639
11º) 32 – Fernando Fortes (VI , SP), a 1:35.426
12º) 70 – W.Derani/F.Casagrande (FE , SP/SP), a 1 volta
13º) 46 – A.Toso/C.Kray (LA , RS/RS), a 1 volta
14º) 23 – R.Cattalini/A.Zaninotto (FE , SP/SP), a 1 volta
15º) 9 – X.Negrão/X.Negrão (LA , SP/SP), a 2 voltas

Fonte: GT Brasil press

Samoel Weck é jornalista e apresentador de rádio e TV a 30 anos. Diretor e responsável pela Mídia Carros e Marcas, que engloba o Portal Carros e Marcas e o Programa Carros e Marcas TV.