Guiga Spinelli e Youssef Haddad estão prontos para a edição 2020 do Rally dos Sertões

O grid de largada do Rally dos Sertões 2020 contará novamente com a dupla três vezes campeã Guiga Spinelli e Youseff Haddd. A partir desta sexta-feira, 30, piloto e navegador estarão a bordo da L200 Triton Sport Racing, carro desenvolvido para encarar qualquer tipo de terreno, que foi completamente remodelado e traz a cara da nova Mitsubishi L200 Triton Sport 2021, lançada no mês passado.

"É um prazer enorme competir mais uma vez com a Mitsubishi no Sertões. Por conta da pandemia, este está sendo um ano bastante atípico. Por isso mesmo, largar para mais essa edição significa que teremos pela frente talvez uma das mais desafiadoras provas já realizadas, o que me deixa muito feliz e empolgado, destaca Guiga Spinelli, piloto cinco vezes campeão da competição.

A largada do Rally dos Sertões acontecerá no próximo sábado, 31, no Autódromo Velocitta, em Mogi Guaçu, interior de São Paulo. De lá, os competidores percorrerão 4.749 quilômetros sete etapas, até a chegada no dia 7 de novembro, no estado do Maranhão.

"Estou muito feliz em participar de mais esse grande desafio que é o Sertões. Essa é minha competição preferida, tanto pela variedade de terrenos quanto pela complexidade estratégica da prova. Não vejo a hora de tudo começar", afirma o navegador da equipe Mitsubishi Spinelli Racing, Youssef Haddad.

A L200 Triton Sport Racing foi desenvolvida em parceria entre a Mitsubishi Motors, a Spinelli Racing, empresa de Guiga Spinelli, South Racing, de Scott Abraham e a fábrica projetista WCT Engineering, preparadoras especializadas em veículos de competição, sediados na África do Sul e com grande know-how no desenvolvimento de veículos de alta performance.

O modelo está totalmente preparado para encarar qualquer tipo de terreno.

samoelweck
  • samoelweck
  • Samoel Weck é jornalista e apresentador de rádio e TV a 30 anos. Diretor e responsável pela Mídia Carros e Marcas, que engloba o Portal Carros e Marcas e o Programa Carros e Marcas TV.