Imposto maior para carro importado vale a partir de amanhã

Postado por -

Carros importados ficarão até 30 pontos percentuais mais caros a partir desta quinta-feira (15), quando passa a valer o aumento da alíquota do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), determinado  pelo governo.

Embora a medida seja direcionada para a indústria automobilística como um todo,  ela afetará apenas os veículos importados. Tudo porque as montadoras que produzem pelo menos 65% das peças no Brasil e preenchem seis de 11 requisitos terão benefício fiscal. Assim, ficaram de fora da nova tributação.

Na prática, isso quer dizer que os carros importados serão os únicos afetados pela medida e deverão ficar mais caros para o brasileiro. A decisão vale até dezembro de 2012 e faz parte do plano de estímulo à indústria Brasil Maior, anunciado em agosto pela presidente Dilma Rousseff.

As montadoras terão até 60 dias para comprovar que fazem a montagem, fabricação de motor e transmissão, estampagem, pintura, injeção de plástico, entre outros.
Caso não consigam comprovar a fabricação no Brasil, as montadoras terão seus veículos tributados. Para os carros de até 1.000 cilindradas, sobe de 7% para 37%. Carros entre 1.000 cilindradas e 2.000 cilindradas, cuja alíquota atual está entre 11% e 13%, serão taxados em 41% e 43%, respectivamente.

Especialistas de mercado acreditam que o aumento imediato será repassado ao consumidor de modelos mais caros. Para os modelos populares, os preços só devem ser remarcados em 2012.

Todos os automóveis importados que estão nas lojas brasileiras pagaram o IPI antigo, ou seja, antes do aumento, quando as unidades foram retiradas dos portos, o que permitira que as concessionárias não repassassem imediatamente o aumento ao consumidor.

Fonte: Agência Brasil

Samoel Weck é jornalista e apresentador de rádio e TV a 30 anos. Diretor e responsável pela Mídia Carros e Marcas, que engloba o Portal Carros e Marcas e o Programa Carros e Marcas TV.