SP – Leilão do Detran em Itu

Postado por -

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP) realiza na região de Itu, na próxima terça-feira, um leilão on-line de carros e motos apreendidos por infrações de trânsito. O evento terá veículos de cinco municípios: Salto, Porto Feliz, Itupeva e Cabreúva, além de Itu.
Poderão ser arrematados 1.037 veículos, 123 deles com direito a documentação, ou seja, que poderão voltar a circular. Os demais são destinados ao desmonte para revenda das autopeças.
Serão aceitos apenas lances pela internet. Os interessados já podem participar no site do leiloeiro: www.sumareleiloes.com.br. Para isso, tanto as pessoas físicas quanto jurídicas precisam se cadastrar.
Os veículos poderão ser visitados por possíveis compradores na segunda-feira (13/7), das 8h às 16h30, e na própria terça (14/7), das 8h às 10h.
A seguir, os endereços dos pátios e o número de lotes em cada município:
* Itu _ 737 lotes, sendo 81 com direito a documentação. Pátio Auto-Socorro Peninha (Av. José Carlos Massoco, 1.117, Chácara Bela Vista).
* Porto Feliz _ 7 lotes, sendo 1 com direito a documentação. Pátio Micscape Auto-Socorro (Rua Cantídio de Oliveira, 84, Vila Progresso).
* Salto _ 82 lotes, sendo 12 com direito a documentação. Pátios Auto-Socorro Tito (Rua Jundiaí 687 B, Jardim Marília) e Auto-Socorro Salto (Rua Nove de Julho, 1631- Bairro: Vila Nova).
* Cabreúva _ 87 lotes, sendo 17 com direito a documentação. Pátio Servel Serviços e Remoções (Rua Conselheiro Rodriguez Alves, 3, Centro).
* Itupeva _ 124 lotes, sem 12 com direito a documentação. Pátios RM Tozoni (Rua Lino Peixoto Amorim, 285, Paineira) e Tartaglia (Avenida Brasila, 789, Centro)
Pessoas físicas podem adquirir apenas veículos com direito a documentação. O pagamento deve ser feito à vista. Após o arremate de um bem com direito a documentação, os débitos ficam quitados e é necessário emitir novo documento para o veículo.
Já os veículos destinados a desmonte e reciclagem só podem ser comprados por empresas do setor que já tenham solicitado credenciamento ao Detran.SP. Essas empresas precisam comprovar ter condições de efetuar todos os procedimentos necessários após o arremate, como equipamentos adequados para desmonte e descontaminação dos veículos (retirada de combustível, óleo do motor e do freio, baterias e pneus), evitando a contaminação do solo.
Regras
Os leilões são realizados conforme determina a legislação federal: o veículo apreendido por infração às leis de trânsito (falta de licenciamento, por exemplo) pode ser levado a leilão público caso não seja reclamado por seu proprietário no prazo de 90 dias, exceto os que têm pendência judicial.
Quando o veículo é destinado a leilão, o proprietário é notificado e tem prazo de 20 dias para reavê-lo. Caso não se pronuncie, ele é notificado por edital, publicado uma vez no Diário Oficial do Estado e no portal do Detran.SP (www.detran.sp.gov.br), dando novo prazo de 30 dias para a retirada do veículo, após a quitação dos débitos existentes e das despesas com a remoção e estadia no pátio. Depois de todas as notificações, se o proprietário não fizer a retirada, o veículo pode ser relacionado para leilão.

Magdalena Heritier reúne em sua editoria, as dicas para os motoristas, sobre trânsito, mecânica, leis de trânsito e muito mais.