Mundial de Endurance recomeça na casa da Audi

Postado por -

As 6 Horas de Nurburgring acontecem neste final de semana e Lucas di Grassi busca reação após início de temporada complicado

Quase três meses após as 24 Horas de Le Mans, o Campeonato Mundial de Endurance (FIA WEC) volta à ativa neste final de semana com a disputa das 6 Horas de Nurburgring, que marca exatamente a metade do campeonato com a quarta corrida (de oito) da temporada 2015. O final de semana na Alemanha marca o retorno de Lucas di Grassi ao cockpit do Audi R18 e-tron quattro depois do longo intervalo desde a prova de Le Mans.

Em Le Mans, di Grassi registrou a maior velocidade: 345,6 km/h. Foto : Shiv Gohil/Audi Sport

Em Le Mans, di Grassi registrou a maior velocidade: 345,6 km/h. Foto : Shiv Gohil/Audi Sport

E o objetivo do piloto brasileiro, que “vira a chave” para os avançados protótipos da marca das quatro argolas após os testes de pré-temporada da Fórmula E, onde estabeleceu novo recorde para a pista de Donington Park, é iniciar uma reação no campeonato após um início marcado por incidentes que fugiram ao controle do trio formado pelo paulistano ao lado do britânico Oliver Jarvis e o francês Loïc Duval.

“Agora a gente volta com força total para a etapa na casa da Audi, na primeira vez que o WEC corre na Alemanha. O objetivo é colecionar mais resultados positivos, porque no começo do ano fomos muito afetados pelo fator sorte – ou melhor, pela falta dela -, em que aconteceram alguns acidentes e quebras que estavam completamente fora do nosso controle”, apontou. “Por isso não tivemos bons resultados, como foi o caso em Silverstone, Spa e também um pouco em Le Mans, por uma batida do Loïc (Duval) no começo da corrida e que não dava para evitar”, lembrou Lucas, que terminou a mais tradicional corrida do endurance mundial na quarta posição – em alucinante prova de recuperação após um acidente com Duval na segunda hora de prova, Lucas registrou a maior velocidade entre todos os carros da disputa com 345,6 km/h.

Hora de "virar a chave": Lucas di Grassi disputa etapa do WEC no final de semana. Foto: Shiv Gohil/Audi Sport

Hora de “virar a chave”: Lucas di Grassi disputa etapa do WEC no final de semana. Foto: Shiv Gohil/Audi Sport

O trio do Audi #8 foi quinto na abertura da temporada na Inglaterra, sétimo na Bélgica e quarto na França. Hora da reação, na opinião de Lucas. “A Audi está em segundo no campeonato de construtores e a meta é ajudar a equipe a ser campeão entre as fabricantes. Do nosso lado, a meta é fechar o campeonato de pilotos entre os três melhores”, afirmou.

“Não vai ser fácil, porque as próximas pistas não favorecem muito o acerto do nosso carro – ele é bem competitivo em circuitos velozes, como Le Mans -, mas vamos fazer o possível para conquistar um bom resultado para a equipe. Então agora a missão é fazer um campeonato mais tranquilo, com menos problemas, e tentar levar bons resultados, alguns pódios e algumas vitórias até o final do campeonato”, diz o piloto, que é patrocinado por Eurobike, Aethra e Audi.

Os treinos livres começam nesta sexta-feira (28), e a largada da corrida, com seis horas de duração, acontece às oito da manhã deste domingo (30), no horário de Brasília.

Samoel Weck é jornalista e apresentador de rádio e TV a 30 anos. Diretor e responsável pela Mídia Carros e Marcas, que engloba o Portal Carros e Marcas e o Programa Carros e Marcas TV.