NISSAN ANUNCIA VP DE OPERAÇÕES DE MANUFATURA PARA FÁBRICA DE RESENDE (RJ)

Postado por -

A Nissan Américas anunciou hoje Atsuhiko Hayakawa, vice-presidente e gestor da planta de Yokohama da Nissan Motor Co., Ltd., como vice-presidente de Operações de Manufatura da Nissan do Brasil, mudança efetiva a partir de 1º de janeiro. Hayakawa irá coordenar a implantação dass instalações de produção da Nissan, anunciada no mês passado para a fábrica de Resende (RJ).

“A trajetória da carreira de Hayakawa na Nissan o preparou perfeitamente para cuidar do início da nossa fábrica em Resende”, diz Bill Kruger, vice-chairman da Nissan Américas. “Em seu cargo atual em Yokohama, ele levou nossa equipe a ser uma referência em nível de qualidade, em desempenho e em custos. À medida que continuamos a reforçar a nossa presença no Brasil, esperamos nos beneficiar significativamente com expertise de fabricação e forte gerenciamento de Hayakawa-san.”

Hayakawa entrou para a Nissan em 1982 e, desde então, tem atuado em funções de crescente responsabilidade, especialmente na engenharia de motores e produção, incluindo uma passagem pela Nissan Mexicana, de 1994 a 1997. Entre 2004 e 2006, foi o diretor de Powertrain de motores V6 e V8 usados em modelos como o Infiniti G e a picape Nissan Titan, incluindo o  motor FR-V6 VQ que foi indicado por 14 anos consecutivos, pela publicação especializada “Wards Auto”, como um dos “10 Melhores Motores”. Hayakawa é graduado em Engenharia Mecânica pela Waseda University (Japão).

A fábrica da Nissan em Resende tem previsão de começar a produção no primeiro semestre de 2014 e terá capacidade para produzir 200 mil unidades por ano de produtos da plataforma “V” da Nissan, como o Nissan March. Serão criados cerca de 2 mil postos diretos de trabalho. A nova planta é essencial na estratégia de crescimento da Nissan nos mercados dos países do “BRIC” (Brasil, Rússia, Índia e China), e expande a capacidade atual da Nissan no Paraná. As linhas de produção existentes na fábrica de São José dos Pinhais continuarão a fabricar os modelos da família Livina (Livina. Grand Livina e X-Gear) e a picape Frontier.

A Nissan planeja se tornar a marca asiática líder da indústria automotiva no Brasil, quarto maior mercado em volume do mundo, e alcançar pelo menos 5% de participação de mercado até 2014.

Fonte: Nissan press

Samoel Weck é jornalista e apresentador de rádio e TV a 30 anos. Diretor e responsável pela Mídia Carros e Marcas, que engloba o Portal Carros e Marcas e o Programa Carros e Marcas TV.