O novo Chrysler 300C 2015 traz um novo capítulo de uma história de 60 anos

Postado por -

Com raízes originadas no revolucionário modelo original, de 1955, e que passam pela inovadora geração de 2005, o Chrysler 300C 2015 mostra seu estilo único com ainda mais elegância e requinte. O conjunto de alterações estéticas é importante, começando na grade e para-choque dianteiro, se estendendo pelas rodas de 20 polegadas, lanternas, para-choque traseiro e chegando até a cabine, com novos volante, seletor do câmbio e tela multifuncional colorida de 7 polegadas no quadro de instrumentos. Novidades que elevam a identidade e o padrão de sofisticação, destacando toda a engenhosidade e atenção aplicados ao 300C, cuja história nasceu há 60 anos, exatamente quando a marca Chrysler comemorava três décadas – este ano completou 90 anos de história. Fabricado no Canadá, o Chrysler 300C 2015 é oferecido em versão única e tem preço sugerido de R$ 204.900.

Chrysler 300C 2015

Além do design, o novo Chrysler 300C evoluiu na já consagrada e eficiente mecânica, com o motor Pentastar V6 de 3,6 litros recebendo ajustes para desenvolver 296 cv de potência, 10 a mais do que antes. O torque também subiu de 34,7 para 36 kgfm. Números que, combinados à eficiente transmissão automática TorqueFlite de oito marchas, traduzem-se numa excelente combinação de desempenho, baixo consumo e prazer ao dirigir.

“O Chrysler 300C 2015 baseia-se no seu legado de 60 anos oferecendo desempenho de classe mundial, elegância, sofisticação e tecnologia — uma combinação que só pode ser encontrada no nosso grande e valente sedã de tração traseira orgulhosamente norte-americano”, diz Al Gardner, presidente e CEO da marca Chrysler. “Além de suas proporções icônicas e chamativas e da grade dianteira com ainda mais presença, nosso novo 300 é projetado para recompensar os indivíduos que trabalham duro, oferecendo acabamento premium, luxo e níveis de qualidade de sedãs que custam muito mais.”

Estilo ousado de todos os ângulos

A dianteira do novo Chrysler 300C foi redesenhada para reforçar a nova direção de design da marca, com uma superfície mais esculpida dando, ao mesmo tempo, mais elegância e esportividade à grade ampliada. O emblema da Chrysler, da asa estilizada, parece flutuar, se destacando muito mais que antes. A grade inferior é contornada por uma faixa cromada, que abriga os faróis de neblina, agora de LED e mais eficientes. Os faróis principais, de duplo xenônio, têm nivelamento automático e incluem luzes de circulação diurna de LED em formato de “C”, dando identidade de marca.

Chrysler 300C 2015

De lado, as linhas fortes, ainda que sutis, homenageiam toda a herança de 60 anos do Chrysler 300 e definem a correlação entre os arcos de roda da frente e de trás. A linha de cintura alta permanece fiel à proporção que se tornou marca registrada do modelo, enquanto as molduras das janelas e capas dos retrovisores cromados sugerem o requinte da cabine. As rodas de 20 polegadas também são novas.

Chrysler 300C 2015

Chrysler 300C 2015

Na traseira, o estilo poderoso do Chrysler 300C se completa com as novas lanternas de LED, com iluminação permanente no contorno. O para-choque redesenhado tem superfície mais fluida e exibe uma discreta (porém marcante) faixa cromada abaixo da tampa do amplo porta-malas, de 500 litros. O acabamento inferior preto destaca a impressão de largura, suaviza o visual e inclui ainda as novas ponteiras de escape nos cantos, que dão um toque atlético.

Chrysler 300C 2015

Interior com ainda mais tecnologia

O interior é tipicamente norte-americano, com acabamento e tecnologia de alto nível. Dentro do Chrysler 300C 2015, motorista e passageiros viajam imersos em uma sofisticada mistura de formas fluidas, esculpidas com muita qualidade e funcionalidade. A equipe de design incorporou elementos exclusivos e materiais para criar uma atmosfera bela e confortável, que só poderia ter nascido em Detroit.

Chrysler 300C 2015

Uma das novidades é a tela multifuncional colorida de TFT de 7 polegadas, entre o velocímetro e o conta-giros, ambos com uma refinada iluminação azul. Esse monitor tem centenas de configurações e pode exibir informações da viagem, como autonomia e consumo médio, além de dados mecânicos como temperatura do óleo do motor e do câmbio, pressão dos pneus e até as coordenadas do sistema de navegação. Esse último recurso é um complemento à tela principal do sistema multimídia Uconnect, de 8,4 polegadas. Integrada ao centro do painel e sensível ao toque, ela mostra o mapa e controla uma série de funções de áudio, telefone, ar-condicionado, aquecimento dos bancos (dianteiros e traseiro), entre outras.

Chrysler 300C 2015

Também novo é o comando do câmbio automático TorqueFlite, de oito marchas. A pequena alavanca deu lugar a um seletor rotativo, livrando mais espaço no amplo console central. Além da grande tela central, o sistema de ar-condicionado e ventilação pode ser comandado ainda por novos botões, logo abaixo dela.

Receita para quem gosta de dirigir

A transmissão TorqueFlite do Chrysler 300C se destaca não só pela operação precisa e suave mas também por ser casada a um excelente motor, premiado por três anos seguidos pela agência WardsAuto, dos EUA. Trata-se do Pentastar V6 de 3,6 litros, que teve a central eletrônica reprogramada para render 296 cv de potência, 10 a mais do que na linha 2014 do sedã. O torque máximo também aumentou de 34,7 para 36 kgfm. Números que se traduzem em respostas rápidas, progressivas e seguras a qualquer momento, sem perder de vista a eficiência de combustível. A aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 7,9 segundos e a velocidade máxima é de 240 km/h.

Chrysler 300C 2015

Para quem gosta de dirigir, a receita vai ficando ainda melhor, pois toda essa força é despejada no solo pelas rodas traseiras. O equilíbrio do chassi é garantido pela suspensão independente nas quatro rodas, com arquitetura de braços duplos articulados (“tipo A”) na frente e braços múltiplos (multilink) atrás. Sem falar dos controles eletrônicos de tração e estabilidade, apenas dois dos vários sistemas de segurança do 300C.

O sabor final é realçado com duas importantes atualizações da linha 2015 do Chrysler 300C. A direção, que era eletroidráulica, passou a ter assistência puramente elétrica, elevando o conforto em baixas velocidades e manobras e sem perder a rapidez de reação numa condução mais “inspirada”. E os eixos e suas carcaças, inteiramente novos, de alumínio fundido, são mais leves e colaboram na eficiência do conjunto ao reduzir as perdas por atrito.

INFORMAÇÃO GERAL

Descriçãocontrole adaptativo eletrônico
Relações de marchas1ª: 4,71 2ª: 3,14 3ª: 2,10 4ª: 1,67 5ª: 1,29 6ª: 1,00 7ª: 0,84 8ª: 0,67 Ré: 3,30 Relação final: 2,65

MOTOR

Tipo e descriçãoSeis cilindros em V, a 60°, refrigerado a água
Deslocamento volumétrico3.604 cm³
Diâmetro x curso96.0 x 83.0 mm
Sistema de válvulasduplo comando de válvulas roletado, 24 válvulas, com sistema de variação de abertura
Injeção de combustívelsequencial, multiponto, eletrônica
Construçãobloco de alumínio fundido em alta pressão e cabeçote de alumínio
Taxa de compressão10,2:1
Potência286 cv (210 kW) a 6.350 rpm
Torque34,7 mkgf (340 Nm) a 4.650 rpm
Rotação máxima do motor6.400 rpm (limitada eletronicamente)
Requisitos de combustívelgasolina comum, sem chumbo, 87 octanas
Capacidade de óleo5.7 L
Controles de emissãodois conversores catalíticos de três vias, sensores de oxigênio aquecidos e recursos internos do motor
Aceleração de 0 a 100 km/h7,7 segundos
Velocidade máxima240 km/h
Consumo de combustível (medições nos EUA)8,1 km/L (urbano)/13,2 km/L (rodoviário)

TRANSMISSÃO

TipoE-SHIFT, ZF 8HP45, AUTOMÁTICA, OITO MARCHAS

DIMENSÕES E CAPACIDADES

Distância entre-eixos3.052 mm
Bitola dianteira1.611 mm
Bitola traseira1.620 mm
Comprimento5.044 mm
Largura1.902 mm
Altura1.485 mm
Vão livre do solo120,3 mm
Coeficiente de arrasto aerodinâmico (Cd)0,32
Peso em ordem de marcha1.814 kg
Distribuição de peso, dianteira/traseira52%/48%
Capacidade do tanque de combustível72,2 litros
Porta-malas462 L

ACOMODAÇÕES

Construçãomonobloco de aço, com capô de alumínio
Traseiraindependente de cinco braços com mola helicoidal, amortecedor a gás, barra estabilizadora e subchassi

ESTRUTURA

Layoutmotor dianteiro longitudinal, tração traseira

SUSPENSÃO

Dianteiraindependente com braços superiores tipo “A”, mola helicoidal sobre amortecedor a gás e barra estabilizadora. Braços inferiores lateral e diagonal com juntas duplas de pinos esféricos

Samoel Weck é jornalista e apresentador de rádio e TV a 30 anos. Diretor e responsável pela Mídia Carros e Marcas, que engloba o Portal Carros e Marcas e o Programa Carros e Marcas TV.