Pacote do governo inclui novo regime de IPI para automóveis

Postado por -

O governo está lançando, no leque de medidas para estimular a indústria nacional, um novo regime automotivo, que vai vigorar de 2013 a 2014. Entre os pontos fortes estão a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), que será condicionada ao esforço de produção e inovação.

A redução do IPI será calculada com base no valor das compras de peças e materiais no país. Quanto maior a compra, maior o benefício, até o limite de 30 pontos percentuais. Haverá, ainda, queda adicional de 2 pontos percentuais do tributo para empresas que cumprirem metas de investimentos em pesquisa, desenvolvimento e engenharia.

Uma de suas características consiste na criação de regras de transição para atrair investimentos destinados produção de modelos novos no Brasil. Entre os principais critérios, durante a construção da fábrica, o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) gerará crédito tributário para utilização após o início da produção. A formação do crédito será limitada a 50% da capacidade de produção prevista no projeto aprovado. Já as regras de habilitação serão aplicadas gradualmente.

Leia mais:

SP – Obras que vão mudar Arujá e todas as cidades do Alto Tietê

SRT libera teaser final do novo Viper

De Lancer GT, Carlos Eduardo Padovan e Marcos Gomes estarão na Serra Motorsport

Conheça a picape que virou homenagem à miss Brasil Martha Rocha

Fonte: noticias.yahoo

Samoel Weck é jornalista e apresentador de rádio e TV a 30 anos. Diretor e responsável pela Mídia Carros e Marcas, que engloba o Portal Carros e Marcas e o Programa Carros e Marcas TV.