Toda intensidade do Renault Captur

Postado por -

Avaliamos a versão topo de linha do modelo com preço a partir de R$88.490,00

Na primeira quinzena de fevereiro a Renault apresentou o Captur, ocasião que tivemos a oportunidade de conhecer as duas versões disponíveis para o mercado brasileiro: Zen com preço a partir de R$78.900,00 e Intense com preço a partir de R$88.490,00. Agora conseguimos avaliar durante uma semana a versão topo Intense, que vem com motor 2.0 16V de 148 cavalos quando abastecido com etanol e 143 cavalos quando abastecido com gasolina e câmbio automático.

Certamente um dos destaques do Renault Captur Intense é o seu design. E sobre ele Vincent Pedretti, chefe de design do RDAL – Renault Design América Latina, disse que “o design do Captur mistura elegância e linhas bem marcadas. A pintura biton garante um efeito harmônico e traz o grande barato da personalização. O desenho do Captur reflete a nova identidade da marca”.

Na dianteira luzes diurnas de LED, no formato de “C”, estão ao redor dos faróis de neblina. Na lateral, há um grafismo cromado na parte inferior das portas, acompanhando a linha de cintura elevada. As rodas de 17’’ integram o conjunto em perfeita harmonia. A traseira traz lanternas de LEDS, ponteira do escapamento cromada e um friso cromado abaixo do porta-malas que percorre quase toda a extensão do para-choque.

O Renault Captur Intense conta com um novo quadro de instrumentos. Ele associa um velocímetro digital e displays em formato de meia-lua de cada lado. O computador de bordo digital é visualizado logo acima do conjunto.   A pintura em biton oferece originalidade e personalização. São oferecidas 13 combinações de cores, incluindo 9 combinações em biton. O teto do Captur pode ser preto ou marfim. A carroceria pode ser preta, branca, marrom, laranja, marfim, vermelha, prata ou cinza. O porta-malas do Renault Captur Intense é o maior entre seus concorrentes e tem capacidade para 437 litros.

O conforto acústico também é um ponto alto do modelo, que é extremamente silencioso, seja em situações urbanas ou na estrada. Conta com 12 porta-objetos úteis e práticos para o uso diário, localizados nos painéis das portas, console central, painel de bordo e porta-luvas. 

O Renault Captur Intense é equipado com o MEDIA Nav que de forma intuitiva e com no máximo quatro cliques, é possível acessar e configurar qualquer funcionalidade da central multimídia, através da tela touchscreen de 7”, que possui: GPS integrado, Bluetooth, câmera de ré, eco-scoring e eco-coaching. Além de todas estas funções, o sistema é integrado com o comando satélite que possibilita ao motorista acessar tudo sem tirar as mãos do volante.
 
O modelo traz chave cartão que possibilita a ignição simplesmente com a presença do cartão no interior do veículo. Já a abertura e o travamento das portas e do porta-malas acontecem por aproximação ou afastamento, sem necessidade de tocar no cartão.  Ele conta também com controle de velocidade de cruzeiro (cruise control), que atua conjuntamente com o limitador de velocidade. O sistema é ideal ao conduzir por uma zona de velocidade controlada.

O sensor crepuscular é um sistema inteligente que capta a luminosidade do ambiente e acende as luzes automaticamente conforme a necessidade. Além disso, o sensor de chuva ativa o limpador de para-brisas caso seja necessário.

A direção do Renault Captur Intense é eletro-hidráulica com esforço variável. Ou seja, o fluxo de óleo é gerenciado por uma bomba elétrica, que atua de forma independente em relação à velocidade do motor. A necessidade de assistência é determinada de forma mais eficiente, com base na velocidade do veículo. Quando a assistência não é necessária, a bomba elétrica é desativada temporariamente. Este sistema garante maior conforto e economia de combustível.

Os retrovisores laterais são rebatíveis eletricamente e o modelo oferece apoio de braço para o condutor, ar-condicionado automático, velocímetro digital e vidros elétricos nas quatro portas.
 
O Renault Captur Intense traz o sistema Energy Smart Management (ESM) de regeneração de energia, solução da Fórmula 1 que ganha as ruas nos carros da Renault. Durante a desaceleração do carro, quando o motorista retira o pé do acelerador, o motor continua girando sem consumir combustível. Nesse momento, o alternador automaticamente passa a recuperar energia e enviá-la para a bateria, que aumenta sua carga sem consumo de combustível. Durante a aceleração, o alternador não precisa “roubar” energia do motor para enviar à bateria, já que houve a carga na desaceleração.

Ainda com foco em economia de combustível, o modelo conta com a função Eco Mode, que é ativada com um simples apertar de um botão localizado logo abaixo da alavanca de câmbio. Por meio desta função podem ser alterados padrões de uso e otimizado o consumo de combustível, com uma economia de até 10%.

Ségio Dias é jornalista e sócio da Dália Comunicação Editorial. Não resiste ao convite de fazer Test Drive nos mais recentes lançamentos de carros no Brasil, e conta tudo pra você ficar bem informado sobre o seu próximo carro.