JEEP COMPASS 4xe VEM COM MAIS POTENCIA E MAIS AUTONOMIA

Uma nova era do extraordinário começa no Brasil com a chegada do inédito Jeep® Compass S 4xe híbrido plug-in. O SUV eletrificado mais capaz do segmento estreia com ainda mais performance, sofisticação e eficiência, elevando os atributos que tornaram os Jeep ícones da categoria para um patamar inédito. Seus motores permitem uma potência combinada de 240 cv, com 0 a 100 km/h em 6,8 segundos, consumo urbano de 25,4 km/l e possibilidade de rodar quase 50 km de forma 100% elétrica, com recarga em menos de duas horas.

O Compass 4xe (pronuncia-se “four by e”) é o primeiro fruto de uma série de produtos eletrificados que a Jeep reserva para o Brasil. Ele reúne todo o expertise da marca para entregar capacidade off-road que só um Jeep possui com eficiência e performance únicas, incluindo o sistema de tração nas quatro rodas, com quatro modos de condução, HDC (controle eletrônico de descidas) e função 4WD Lock e 4WD Low. Entre os principais equipamentos de série há uma ampla oferta de avançadas assistências à condução, como frenagem autônoma de emergência, alerta de mudança de faixa com correção e farol alto automático.

“Com o novo Compass 4xe, a Jeep inicia um novo momento no Brasil, com foco na eletrificação, mas sem abrir mão da performance e capacidade off-road que sempre fizeram parte de nossa história. O uso da tecnologia híbrida plug-in dá aos nossos clientes uma versatilidade superior, permitindo, por exemplo, rodar com o carro sem gastar uma gota de combustível por até 44 km. No entanto, ele também pode usar o modo e-Save, recarregando a bateria enquanto o motor térmico atua. Assim,é possível ter a liberdade de ir muito mais longe com um Jeep e ainda curtir todos os sons da natureza em qualquer aventura usando o modo elétrico, com silêncio quase absoluto do veículo. Esses são diferenciais para quem busca o contato com a natureza e não abre mão da sustentabilidade. Vale destacar ainda a economia de combustível que o proprietário pode ter: é possível economizar mais de 120 litros de gasolina por mês considerando o uso em modo elétrico dentro do máximo da autonomia e consumo médio. Com tudo isso, o lançamento da plataforma 4xe é um importante passo da Jeep para que a marca se torne referência em tecnologia premium ecofriendly”, comenta Alexandre Aquino, diretor do Brand Jeep para a América Latina.

O Compass 4xe será oferecido na versão Série S, a mais completa da gama do modelo, que não inclui opcionais e não tem cobrança de cor do veículo. Ele está disponível a partir de hoje em 40 concessionárias espalhadas pelas cinco regiões do Brasil. “A venda e pós-venda dos modelos eletrificados são únicos e trabalhamos em parceria com nossa rede para que o cliente tenha uma ampla assistência desde seu primeiro contato com o novo Compass 4xe híbrido plug-in. Nossos clientes, inclusive, poderão recarregar gratuitamente seu veículo nas concessionárias. Nossa rede investiu em capacitação e equipamentos, atendendo à rigorosa legislação em torno da manutenção de veículos eletrificados. Além de contar com uma ampla rede de apoio, nossos clientes também terão a segurança da garantia exclusiva de cinco anos para a bateria de tração (bateria de alta tensão e sistemas elétricos do modo híbrido), que complementa a proteção completa de três anos oferecida em todos os modelos Jeep”, afirma Everton Kurdejak, vice-presidente sênior de Operações Comerciais da Jeep para o Brasil.

Design

Jeep Compass 4xe. Foto: Jeep press – stellantis

O novo Compass 4xe híbrido plug-in apresentou um novo desafio ao time de Design da Jeep, pois é essencial que ele seja facilmente identificável, mas sem perder os traços marcantes do SUV que é líder de seu segmento. Para alcançar esse objetivo, o departamento de estilo criou quatro cores exclusivas: Prata Glacier, Preto, Branco Alpine e Azul Shade. A cor azul também está presente em torno dos badges “Jeep” e “Compass” no capô, portas dianteiras e porta-malas. Na traseira também fica o logotipo “4xe”, que tem a última letra pintada também em azul para reforçar a presença da tecnologia híbrida plug-in no modelo. O Compass 4xe também oferece faróis com design exclusivo full LED.

Por dentro, a luxuosa cabine do novo Compass recebeu costuras contrastantes exclusivas, que ajudam a adornar o painel com quadro de instrumentos full digital de 10,25 polegadas e sistema multimídia Adventure Intelligence de 10,1 polegadas com Android Auto e Apple Carplay sem fio. Outra diferença no interior é a presença de novos comandos ao redor do motorista, exclusivos para ajustar o trem de força eletrificado do Compass 4xe híbrido plug-in.

Além dos botões adicionais, o Compass 4xe possui uma segunda tampa, no para-lama traseiro esquerdo, destinado ao conector de recarga. Ele é do padrão europeu Type 2, o mais comum no Brasil, e possui luzes indicativas sobre o nível de carga da bateria. As novidades completam o estilo do novo Compass que conquistou o consumidor, com design marcante, rodas de liga-leve de 19” em gloss black e teto-solar panorâmico Command View.

Motorização mais moderna do segmento

A grande atração do novo Compass 4xe híbrido plug-in reúne o que há de melhor da Engenharia da Jeep. Sob o capô, ele usa o já consagrado motor T270 turbo, que nessa configuração é movido a gasolina e alcança 180 cv de potência e 270 Nm de torque. Ele é acoplado a um câmbio automático de seis marchas e auxiliado por um motor elétrico, que também cumpre a função de gerador. Esse conjunto gera tração no eixo dianteiro e também produz eletricidade para as baterias.

No eixo traseiro fica o segundo motor elétrico, capaz de gerar 60 cv e 250 Nm de torque — que está disponível em qualquer rotação. Esse conjunto compacto é conectado diretamente ao eixo traseiro, permitindo que o Compass 4xe híbrido plug-in mantenha a tração nas quatro rodas ao mesmo tempo em que dispensa o cardã. A gestão eletrônica garante que o veículo tenha tração nas quatro rodas sempre que necessário. Se a bateria estiver com baixa carga, o motor dianteiro gera energia elétrica para ser enviada ao conjunto traseiro, o que assegura o máximo de performance e aderência em qualquer circunstância.

Parte do espaço originalmente destinado ao cardã é ocupado pela bateria de alta tensão, que também fica sob os bancos traseiros. Essa configuração permitiu manter o conforto a bordo do Compass. A bateria tem tensão de 400 Volts, refrigeração independente e possui inversor de corrente integrado. O conjunto fica dentro de um invólucro metálico que serve como proteção contra elementos externos, incluindo imersão na água. As baterias têm capacidade total de 11,4 kWh, possibilitando uma autonomia 100% elétrica de até 44 quilômetros.

Pelo Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBEV), o Compass 4xe híbrido plug-in alcança um consumo urbano de 25,4 km/l, com autonomia de 927 quilômetros. Na rodovia, pelos mesmos padrões, o consumo é de 24,2 km/l. Os números de eficiência surpreendentes contrastam com o desempenho digno de um esportivo: com potência combinada de 240 cv, o 0 a 100 km/h é cumprido em somente 6,8 segundos, com velocidade máxima de 206 km/h.

Modos de condução que se ajustam ao motorista

O Compass 4xe híbrido plug-in oferece quatro modos distintos de condução, que ajustam parâmetros como mapa da troca de marchas, resposta do acelerador e assistência da direção elétrica. No modo Auto, o carro faz todo o trabalho: ele analisa continuamente dados como velocidade, inclinação e aderência para entregar a melhor performance e eficiência.

O modo Snow (neve) é voltado para condução em pisos muito escorregadios, adequando o conjunto mecânico para situações de baixíssima aderência. No modo Sand/Mud (areia/lama), o Compass 4xe fica pronto para encarar trilhas enlameadas ou com piso macio. O programa Sport é para quem quer aproveitar o máximo dos 240 cv de potência combinada e a estabilidade da suspensão independente nas quatro rodas com tração 4×4.

Os diferentes modos de condução são complementados pelas opções 4WD Lock, 4WD Low e HDC (assistente de descida), que ampliam ainda mais a capacidade off-road do Compass 4xe híbrido plug-in. Sua agilidade no fora-de-estrada é a melhor do segmento, pois o tempo de resposta do motor elétrico é muito superior, permitindo o envio de mais força às rodas traseiras mais rápido do que em um veículo convencional. O conjunto híbrido plug-in também deu ao Novo Compass uma capacidade de reboque de até 600 kg (nas versões do Novo Compass com motor T270 turbo flex ou TD380 turbo diesel são 400kg).

Além dessas configurações, o Compass 4xe inclui duas funcionalidades exclusivas: Electric e e-Save, que se somam ao modo Hybrid padrão. Cada uma delas têm funções específicas:

– Electric: Neste modo, o Compass 4xe irá utilizar somente o motor elétrico traseiro, possibilitando uma condução 100% livre de emissões. Com essa configuração é possível acelerar a até 130 km/h e rodar 44 quilômetros, o suficiente para cumprir a rota diária urbana de muitos clientes. O motor térmico só entrará em ação caso o motorista pise fundo no acelerador ou se a bateria chegar ao nível mínimo de carga.

– e-Save: Essa configuração tem dois modos de funcionamento e permite manter ou mesmo carregar a bateria usando a própria força do motor térmico. No modo passivo, o e-Save mantém o nível de carga da bateria, permitindo que você tenha acesso à propulsão 100% elétrica em um momento futuro. Quando o e-Save passivo está ativado, a central eletrônica usa a frenagem regenerativa e o motor térmico para evitar que a bateria saia do nível de carga atual. O e-Save também possui o modo ativo, que usa o motor elétrico acoplado ao conjunto à combustão para carregar a bateria sem que o motorista precise se preocupar em encontrar uma estação de recarga. No modo e-Save ativo a bateria pode ser recarregada automaticamente até chegar a 80%.

Frenagem regenerativa inteligente

O sistema híbrido plug-in permite que o Compass 4xe aproveite ao máximo outro recurso dos motores elétricos: a frenagem regenerativa. Ao pisar no freio de forma suave, o gerenciamento eletrônico usa os próprios motores elétricos para gerar eletricidade. Dessa forma, além de recarregar a bateria, é possível reduzir a velocidade do veículo sem a necessidade de acionar os freios a disco tradicionais.

Esse comportamento pode ser intensificado ao acionar o botão e-Coasting próximo ao sistema multimídia. Ao ser ativado, ele amplia a regeneração de energia em desacelerações, sempre que o acelerador é aliviado. O e-Coasting tem dois modos de funcionamento, suave e intenso. Este último aumenta ainda mais a transformação de energia cinética em elétrica nas desacelerações, permitindo até, em alguns casos, que seja possível dirigir o Compass 4xe sem pisar no freio. Caso o motorista freie de forma mais forte ou a frenagem autônoma de emergência (AEB) identifique o risco de colisão, os freios a disco nas quatro rodas são acionados normalmente.

Recarga sem mistério

A possibilidade de recarregar o veículo na casa do cliente é outro diferencial do Compass 4xe. É possível repor a energia da bateria de duas maneiras. A primeira é usando o carregador doméstico portátil incluso no modelo e conectado a uma tomada de 110V/220V de três pinos. Assim, o Compass 4xe é recarregado entre quatro e 20 horas, de acordo com a tensão escolhida. Os clientes também podem optar por um carregador de parede (Wallbox) da Weg ou EnelX (ambos homologados pela marca). O aparelho dispensa instalação trifásica e tem potência de 7,4 kW, possibilitando a recarga completa em 100 minutos no modo mais rápido ou em nove horas no mais lento. O primeiro cliente que comprar o Compass 4xe em cada ponto de venda ganhará o carregador Weg. Os demais consumidores podem adquirir o Wallbox diretamente nas concessionárias Jeep.

O cliente também pode programar o carregamento para o horário em que a tarifa for mais barata. Dessa forma, basta acionar o botão de recarga programada ao lado do conector do veículo para que a reposição de energia ocorra somente no horário programado, evitando gastos desnecessários. O agendamento da recarga pode ser feito pelo sistema multimídia ou por meio do smartphone no aplicativo conectado à plataforma Adventure Intelligence.

Essas soluções são completadas por uma parceria da Jeep com a Estapar. Todos os clientes do Compass 4xe híbrido plug-in terão recarga gratuita em diversas Ecovagas da empresa em estacionamentos em todo o país, pagando apenas o valor da estadia no estacionamento sem custo adicional de recarga. Novos pontos de carregamento estarão disponíveis em breve com benefícios especiais aos clientes Jeep em áreas de maior frequência, como regiões com muitos restaurantes, rodovias, condomínios e centros empresariais.

Tecnologia e segurança a bordo

O novo Jeep Compass 4xe híbrido plug-in chega ao mercado com uma ampla oferta de equipamentos de conforto e segurança, muitos deles exclusivos. A versão S reúne os itens mais desejados pelo cliente e não terá opcionais. Entre os destaques, traz teto-solar panorâmico Command View, faróis com facho alto automático, assistente de estacionamento semi autônomo, sistema ADAS com controlador de velocidade adaptativo, alerta de mudança de faixa com correção, leitor automático de placas, alerta de veículo no ponto cego e frenagem autônoma de emergência com detecção de pedestres, ciclistas ou motociclistas. Para completar, vem ainda com sete airbags.

O pacote avança com o sistema de visão 360 graus exclusivo do Compass 4xe: usando câmeras posicionadas sob os retrovisores, na grade do radiador e na tampa do porta-malas, o motorista pode ter uma visão panorâmica ao redor do carro. Além de facilitar manobras, o recurso é extremamente útil no off-road, permitindo a visualização de obstáculos mesmo em trilhas fechadas e inclinadas.

Quem é fã de música de qualidade ainda poderá aproveitar o sistema de som premium Alpine com 8 alto-falantes, subwoofer e 506 Watts de potência, também presente apenas no Compass 4xe. A segunda fileira de bancos conta com uma saída de ar-condicionado exclusiva no console central, dois conectores USB (sendo um do tipo C) e assentos tripartidos, ampliando a versatilidade para quem precisa transportar os mais diferentes volumes no porta-malas e cabine.

A central multimídia Adventure Intelligence de 10,1 polegadas tem integração com Android Auto e Apple Carplay sem fio. Além disso, o Compass 4xe traz quatro conectores USB, incluindo dois do tipo C, para recarga de smartphones. Os que estão localizados no painel ainda possuem ligação com a central multimídia.

Graças à conexão via internet integrada ao veículo, o motorista pode consultar a autonomia, checar detalhes do consumo, programar e ver o tempo de recarga e até ativar o ar-condicionado à distância a partir de um smartphone ou usando a assistente virtual Alexa. Vale ressaltar que o primeiro 4xe da Jeep no Brasil vem com Alexa in Vehicle, assim como o sofisticado Jeep Commander. A plataforma conectada Adventure Intelligence recebeu ainda mais recursos especialmente voltados à eletrificação:

– Recarregue Agora: permite iniciar automaticamente a recarga se o seu veículo já estiver plugado em uma estação de recarga, com o toque em único botão (smartphone, smartwatch ou central multimídia)

– Programação de Recarga: permite definir uma agenda escolhendo a data e o horário de início e término da recarga, dia da semana e a recorrência.

– Programação de Climatização: é possível definir uma agenda escolhendo a data e o horário de início do seu percurso, dia da semana e a recorrência.

– Telas do Veículo Híbrido: o cliente pode obter o melhor controle do seu veículo com informações como Preferências de recarga (manutenção de carga da bateria ou recarga através do motor térmico), Cronograma de recarga (planejamento do cronograma de recarga no período mais conveniente), Fluxo de energia (mede o uso/saída atual de energia para o motor, bateria e clima em quilowatt) e Histórico de direção (geração de relatório diário em km rodados do modo de condução elétrico x modo de condução híbrido).

– Configurações de nível de recarga (apenas na central multimídia): permite escolher entre cinco diferentes níveis de recarga relacionadas a cinco distintos tipos de correntes e, assim, cinco potências de cargas associadas.

Vale dizer ainda que o Compass Série S 4xe também vem com Cart, a plataforma de e-commerce da Stellantis. Além da parceria com Conectcar, que traz para os clientes Jeep 12 meses de isenção de mensalidade ao ativarem o adesivo instalado no pára-brisas, um diferencial no caso dos modelos Jeep 4xe é a funcionalidade de “encontrar carregadores” dentro da busca por pontos de interesse (POI). Com isso, é possível buscar – pela central multimídia – os postos de recarga nas proximidades, baseado na localização do veículo. Se disponível, é possível verificar informações sobre a estação, tempo necessário para a recarga, nível de bateria alcançado e horário de funcionamento. Além disso, o cliente pode traçar uma rota até a estação.

Revisões, condições especiais do Jeep Bank e preços

As revisões do Compass 4xe devem ser realizadas a cada 15 mil km. Os valores são de R$ 652 para a primeira (15 mil km), R$ 1.056 para a segunda (30 mil km), R$ 652 para a terceira (45 mil km), R$ 1.982 para a quarta (60 mil km) e R$ 890 para a quinta (75 mil km). Vale dizer que os preços são muito competitivos em relação aos planos de revisões do mercado nesse segmento.

O primeiro Jeep 4xe do Brasil tem ainda condições especiais para compras realizadas junto ao Jeep Bank no lançamento (válidas até dia 30 de abril). Os clientes podem optar pelo plano linear com condições diferenciadas a partir de 30% de entrada e carência até 180 dias para o pagamento da primeira parcela do financiamento ou pelo plano sazonal em 36 meses com 50% de entrada e 6 pagamentos semestrais. Além disso, há taxas competitivas para os planos lineares (de 1,27% a 1,49% de acordo com o percentual de entrada e o número de parcelas) e taxas especiais para o Next Jeep, plano de financiamento com recompra garantida e benefícios da marca, que variam de 1,29% à 1,49% (também dependendo do percentual de entrada e do número de parcelas).

Importado da Itália, o novo Jeep Compass S 4xe híbrido plug-in tem preços sugeridos de R$ 349.990 para todo o Brasil (exceto São Paulo) e R$ 360.887 para o estado de São Paulo.

NOVO JEEP COMPASS 4Xe

No primeiro teaser divulgado em 14 de março, a Jeep® já tinha confirmado a chegada da plataforma de veículos 4xe ao Brasil ainda no primeiro semestre deste ano. Agora, esta novidade já tem nome e data marcada para estrear no mercado brasileiro. O primeiro veículo híbrido plug-in da marca no país será o Compass 4xe, que vai ser lançado no tradicional 4 de abril, o dia 4×4, mais conhecido como Jeep Day. Estabelecendo uma nova era da Jeep no Brasil, o Compass eletrificado será a base para que a marca se torne referência em tecnologia premium ecofriendly.

Com um vídeo de 33 segundos, a Jeep revela no segundo teaser o Compass 4xe por inteiro pela primeira vez oficialmente no Brasil, mostrando um pouco do que o modelo é capaz. O cenário é um local bem conhecido pela Jeep: a natureza. Passando por paisagens como montanhas e cachoeiras, o veículo na nova cor exclusiva atravessa diversos terrenos.

As imagens mostram diferentes ângulos do Compass 4xe no percurso. Além da roda em gloss black exibida logo no início do vídeo, aparecem os badges no capô, lateral e porta-malas que se destacam com um tom azul ao redor deles. Na traseira também fica o logotipo “4xe”, que tem a última letra pintada no mesmo azul para reforçar a presença da tecnologia híbrida plug-in no modelo. Outro diferencial mostrado no vídeo são os faróis full LED com design exclusivo da versão híbrida.

Durante o segundo teaser ainda dá para escutar – assim como no primeiro vídeo – diversos sons da natureza, como o ruído das águas da cachoeira e o canto dos pássaros, reforçando o silêncio proporcionado pela condução totalmente elétrica. Por fim, é mostrado o conector sendo plugado ao veículo para carregamento.

NOVA RAM 3500 TEM NOVO RECORD DE VENDA EM APENAS 5 HORAS

Foram quase 4 Ram 3500 compradas por minuto

Em dezembro de 2020, as 100 primeiras unidades da Ram 1500 Rebel se esgotaram em 18 horas. Em maio do ano passado, foram somente 10 horas para a mesma quantidade de Ram 2500 Rodeo encontrar seus donos (no caso da Ram, eles também podem ser chamados de fãs).

Na quinta-feira passada, 24 de março, às 18h, a marca das picapes de poder inigualável abriu oficialmente as vendas da Nova Ram 3500. Resultado: apenas 5 horas depois, foram registradas exatamente 1.109 vendas do modelo que representa o novo ápice do mercado de picapes no Brasil.

“Esse foi mais um lançamento no qual a realidade superou em muito a nossa expectativa”, afirma Breno Kamei, diretor da Ram para a América do Sul. “A Ram 3500 é mais uma materialização do processo de consolidação da marca no Brasil, para seguirmos em um ritmo forte de crescimento, que vem desde 2020.”

Tamanho volume de vendas de um modelo premium em tão pouco tempo não é o único dado que impressiona. “Dividindo as 1.109 unidades por 300 minutos dessas 5 horas, tivemos quase 4 Ram 3500 vendidas por minuto, ou 3,69 unidades para ser mais preciso”, diz Everton Kurdejak, diretor de Operações Comerciais da Ram para o Brasil.

Sobre a Ram

Em 2009, a marca Ram foi lançada como uma divisão independente, focada em atender às demandas dos compradores de picapes e em entregar veículos que sejam referência de qualidade. Com uma linha completa, a Ram produz utilitários que dão conta do trabalho pesado e de transportar famílias para onde elas precisam. A Ram é parte do portifólio de marcas oferecidas pela Stellantis.

TEXTO: distriduido pela assessoria de impresa da Stellantis

Mitsubishi apresenta série especial L200 Triton Sport Sertões

No dia em que é dada a largada para a 28ª edição do Rally dos Sertões, a Mitsubishi Motors, principal e mais antiga patrocinadora da competição apresenta a série especial L200 Triton Sport Sertões, como forma de homenagear o maior rally das Américas.

Desenvolvida em parceria com os organizadores da prova, a série especial L200 Triton Sport Sertões traz detalhes exclusivos que remetem à competição. As pré-reservas da picape começam hoje no site da Mitsubishi Motors e as primeiras unidades serão entregues no próximo mês de março. Exclusivo, o modelo será produzido somente sob encomenda e o valor de venda ainda está sendo definido.

"O sucesso de um grande evento pode ser medido pela longevidade de seus parceiros. Há 17 anos, o maior rally das Américas orgulha-se de ter como patrocinador a Mitsubishi, uma marca que representa como poucas o espírito off road do Sertões. A nova série especial da L200 é a consolidação dessa relação vencedora", afirma Joaquim Monteiro, CEO do Sertões.

Disponível para as três versões da L200 Triton Sport 2021 – GLS, HPE e HPE-S – a série especial Sertões oferece uma série de detalhes exclusivos que fazem alusão à competição. Por fora, a picape leva a mesma cor laranja oficial do emblema do Sertões em conjunto com o tom preto brilhante, o que oferece ao modelo um visual bastante esportivo.

Na parte da frente, o laranja "Sertões" está presente em faixas que saem da parte superior da grade frontal e percorrem todo o capô do veículo. O skid plate na parte inferior da dianteira do modelo também recebeu a cor da série especial que, em contraste com o preto brilhante de parte da grade, deram um visual bastante esportivo e robusto.

As rodas de aro 18 foram pintadas em preto com um pequeno detalhe em laranja. Elas receberam um pneu 265/60, mais voltado para o piso off-road em relação à versão original. Como contraste ao preto das rodas, a série especial Sertões traz um adesivo em cor laranja com o emblema 4×4, que reveste todo o espaço entre-eixos na parte inferior da lateral da picape.

Ainda na lateral, as maçanetas das portas receberam acabamento em preto que ajudam a destacar o adesivo laranja com a logomarca Sertões presente no final da caçamba, próximo à lanterna traseira.

A parte traseira também é marcada pela logo do Sertões colocada bem abaixo do badge com a versão da picape, colado na tampa da caçamba, cuja maçaneta teve o acabamento cromado substituído por um preto brilhante, que combina perfeitamente com o ultra resistente revestimento X-Liner que protege e otimiza a capacidade de carga da picape.

Interior exclusivo

O visual interno da edição especial L200 Triton Sport Sertões traz o mesmo apelo esportivo e robusto dado na parte de fora.

Destaque para o revestimento em borracha vulcanizada no chão do modelo. Prático e de fácil lavagem, o revestimento é ideal para situações fora de estrada, assim como as encontradas nos milhares de quilômetros percorridos pelos competidores do Rally dos Sertões.

O painel central recebeu detalhes de acabamento em laranja brilhante assim como as saídas de ar e a moldura do sistema de transmissão. O contraste dos detalhes em laranja é evidenciado no revestimento das portas, todo na cor preta.

"É uma honra para nós sermos os maiores e mais longevos parceiros do Rally dos Sertões, uma competição que representa como nenhuma outra todo o DNA off-road e todo o estilo de vida que os veículos Mitsubishi oferecem a seus clientes. E é exatamente esse mesmo DNA aventureiro que queremos oferecer nesta série especial L200 Triton Sport Sertões, uma picape robusta, versátil, com muita tecnologia embarcada e visual exclusivo", afirma Robert Richtter, CEO da Mitsubishi Motors no Brasil.

4×4 de verdade

Os amantes da prática off-road têm na L200 Triton Sport Sertões um veículo com desempenho impecável para todos os tipos de terreno. A picape reúne conforto e dirigibilidade de um SUV de luxo com a capacidade 4×4 que já está presente no DNA do modelo desde sua primeira versão, apresentada há mais de 40 anos.

O sistema de suspensão é independente na dianteira e com eixo rígido na traseira. Extremamente bem calibrada, ela garante o bom desempenho e ajuda a encarar os mais variados desafios off-road, mas também a superar lombadas, buracos e valetas com facilidade, além de oferecer um excelente controle de movimentação de carroceria, o que assegura total conforto aos ocupantes.

As versões HPE e HPE-S são equipadas com o sistema Super Select 4WD-II (SS4-II), que oferece ao motorista quatro modos distintos de operação incluindo a reduzida, ideais para o tráfego em diferentes tipos de terreno. Por meio do seletor no console central, ele pode facilmente escolher o melhor ajuste, dependendo do local e das características do piso:

2H – Usado para estradas e vias públicas, privilegia a economia de combustível com desempenho suave.

4H – Ideal para estradas e pisos irregulares, inclusive asfalto, serras e em condição de chuva. O sistema distribui automaticamente a tração entre os eixos dianteiro e traseiro, por meio do diferencial central.

4HLc – Ideal para terreno acidentado com superfícies de baixa aderência como terra e cascalho.

4LLc – Ideal para subidas ou descidas íngremes, rochas, areia e lama.

Ainda nas versões HPE e HPE-S, a L200 Triton Sport Sertões conta com o exclusivo Off-Road Mode, um moderno e tecnológico recurso que deixa a picape ainda mais preparada para encarar os mais variados terrenos. São quatro opções que garantem um excelente desempenho em diversos tipos de piso: Cascalho, Lama/Neve, Areia e Pedra.

Cada modo tem uma configuração específica e todos são capazes de otimizar a tração para cada tipo de piso, alterando automaticamente a entrega de potência do motor e ajustando transmissão, sistema de freios e os controles de estabilidade e de tração.

Outra novidade é o Controle de Descida em Rampas (HDC). Por meio dele, o veículo é capaz de descer as mais íngremes ladeiras, mesmo com baixa aderência, em velocidade controlada.

A aptidão para encarar todos os tipos de terrenos também está nos generosos ângulos de entrada, saída e brake over, com 32º, 23º e 25º respectivamente, além da ampla capacidade de travessia em trechos alagados, que podem ter até 600 milímetros de profundidade.

Para situações onde uma ou mais rodas estão destracionadas, a picape conta com o Sistema Ativo de Controle de Tração (ATC), que monitora a rotação das rodas e atua desacelerando a roda que tem menos aderência, enviando a tração para a roda melhor apoiada ao solo. Adicionalmente controla o torque do motor para evitar escorregamentos.

O sistema de tração também conta com o Sistema de Bloqueio do Diferencial Traseiro, que permite que as duas rodas do eixo de trás recebam tração de forma idêntica, o que é muito útil em uma situação de atolamento ou mesmo quando uma das rodas não está em contato com o solo em condições off-road.

Tecnologia e conforto para o dia a dia

A tecnologia é um dos pontos altos da L200 Triton Sport Sertões. O modelo foi equipado com uma série de sistemas que não só fazem da picape uma das mais capazes para rodar em qualquer tipo de terreno, mas também garantem ainda mais conforto e segurança aos seus ocupantes.

O sistema de entretenimento colocado no painel central é da marca JBL, uma das referências em qualidade de som e conectividade em todo o mundo. Com tela sensível ao toque de 7 polegadas, o multimídia pode ser totalmente integrado aos melhores smartphones do mercado por meio das tecnologias Apple CarPlay e Android Auto.

Por ele, mais do que receber e fazer ligações por comando de voz e verificar os níveis de sinal e de bateria direto na tela do veículo, o motorista também pode espelhar uma série de aplicativos como Waze, Google Maps, Spotify e, com isso, manter sempre os olhos o máximo de tempo na estrada.

O painel de instrumentos do motorista está com um visual mais moderno e conta agora com display colorido que exibem inúmeras informações do computador de bordo.

As versões HPE e HPE-S contam com sensor crepuscular, um sistema que garante o acendimento automático dos faróis, além de sensor de chuva sensores de estacionamento e câmera de ré. A HPE-S ainda é equipada com sensor de estacionamento frontal.

Para total conforto do motorista, a versão HPE-S também é equipada de série com o sistema Smart Keyless de abertura de portas e ignição do motor. Por meio dele, o motorista não precisa tirar sua chave do bolso ou da bolsa. Por aproximação, a presença da chave é identificada pelo veículo e, com isso, basta que o motorista aperte um botão na maçaneta para acessar o interior do veículo. Ele também consegue dar a partida ou desligar o modelo ao simples toque no botão "start-stop" localizado próximo ao volante.

O sistema de ar condicionado é ainda mais eficiente por conta das saídas de ar colocadas no teto, que permitem a refrigeração de toda a cabine de forma mais rápida, ao captar o ar refrigerado da primeira fileira e transferir para a fileira de trás. Os passageiros do banco traseiro podem ajustar a intensidade da ventilação em até quatro níveis, através de um comando localizado no teto.

Nas versões HPE e HPE-S o seletor de temperatura é digital de duas zonas, que permite que o motorista e o passageiro do banco da frente escolham temperaturas distintas para o habitáculo.

Elas ainda trazem acabamento interno de alta qualidade e bancos revestidos em couro com ajustes elétricos para o motorista.

Motor e câmbio 

Debaixo do capô, a série especial L200 Triton Sport Sertões traz como novidade um novo sistema de transmissão automática de seis velocidades, com opção para trocas sequenciais por meio de paddle shifters atrás do volante, dependendo da versão. 

Sua relação de marchas foi muito bem calibrada para utilizar todo torque máximo do motor em baixas rotações e todo o conforto com o mínimo de vibrações e ruídos na cabine em velocidade de cruzeiro.

O motor que equipa todas as versões é o 2.4 Turbodiesel de quatro cilindros com estrutura leve em alumínio, o que ajuda a otimizar o consumo de combustível. Ele traz a tecnologia de válvulas variáveis MIVEC e turbina de geometria variável, que o torna capaz de desenvolver 190cv de potência e impressionante torque de 43,9 kgfm, força suficiente para uma performance invejável tanto dentro quanto fora de estrada.

A série especial L200 Triton Sport Sertões estará disponível sob encomenda no site da Mitsubishi Motors do Brasil www.mitsubishimotors.com.br ou em todas as concessionárias na marca espalhadas pelo País

Sobre a HPE Automotores

A HPE Automotores do Brasil é a representante oficial da Mitsubishi Motors no País. Tem escritório no coração comercial de São Paulo (SP), fábrica em Catalão (GO) e concessionárias espalhadas por todo o território brasileiro. A empresa está no mercado desde 1991 e, além de produzir e vender veículos de alta qualidade, organiza eventos esportivos com clientes há mais de 25 anos.

Para a HPE, ser 4×4 é um estilo de vida.

Sobre o Sertões

Um ano diferente pede um Sertões diferente. Em 2020, o maior rally das Américas se transforma no "Rally da Solidariedade". A 28ª edição da prova traz adaptações relevantes nas suas três dimensões: Esporte, Social e Turismo. A missão este ano é levar acesso à medicina de qualidade e fomento econômico para as comunidades remotas e carentes do Brasil. Este ano a ação social do Sertões está focada em dois pilares: 1. Saúde: através da instalação de Unidades de Teleatendimento (UTAs), um projeto inovador desenvolvido pelo SAS Brasil;  2. Legado econômico: a ação coordenada pelo SEBRAE e pelo UniãoBR fará a aquisição de cestas básicas de pequenos comerciantes locais e as redistribuirá nas regiões percorridas pelo Sertões aos que estão sem trabalho e renda. O lado competitivo da prova foi adaptado e traz um protocolo de segurança especial. A caravana ficará isolada em bolhas, acampamentos fechados, ao longo do percurso. Já a dimensão Turismo, que revela lugares que pouca gente conhece, foi postergada para 2021.

Rally dos Sertões: time de tricampeão mundial tenta repetir 2019

Com os atuais tricampeões mundiais e um time que conta com vários títulos na competição, a Can-Am Monster Energy Rally Team entra na 28ª edição do Rally dos Sertões como uma das principais referências do off-road brasileiro. Todo concentrado na categoria que mais cresce e tem sido a mais competitiva do fora de estrada no país, a UTV, o time baseado em Jundiaí, no interior de São Paulo, contará com quatro carros listados entre os principais favoritos ao título. Em 2019, por exemplo, a equipe conquistou três dos quatro primeiros lugares no Sertões e agora chega determinada a repetir o desempenho na prova que se inicia no próximo sábado (31), com o prólogo na região do autódromo de Mogi Guaçu, também no interior paulista.
Com dez títulos no Sertões, sendo dois na Geral e oito por categoria, Reinaldo Varela volta à prova com o navegador Gustavo Gugelmin, com quem conquistou o tricampeonato mundial de Rally Cross-Country em 2019. "Já disputei várias vezes esta prova e sei que a cada ano o roteiro fica mais desafiador. E isso é o que nos motiva a vencer o Sertões", resume ele.

Chuva pode complicar – "Acho que em 2020 nós teremos uma das edições mais disputadas, e na UTV está evidente que o resultado final é totalmente imprevisível. Vamos tentar repetir nosso desempenho do ano passado, que foi muito bom. Será obviamente difícil, mas fizemos nossa parte, novamente estamos focados e preparados. Um elemento importante é a chuva, que está prevista para os três primeiros dias de corrida – isso preocupa, por que dificulta as coisas, mas treinamos e nos preparamos bem para qualquer situação. Temos grandes equipes e pilotos de nível internacional no Sertões, realmente essa será uma competição muito qualificada", definiu o piloto da equipe Can-Am Monster Energy Rally Team, que foi vice-campeão da prova em 2019, além de ter vencido na categoria UTV Pro Over.
A Monster Energy Rally Team contará ainda com as duplas formadas pelos filhos de Reinaldo na posição de pilotos: Bruno Varela/Gustavo Bortolanza, Gabriel Varela/Eduardo Shiga, e Rodrigo Varela/Gunnar Dums. Bruno, Gabriel e Rodrigo possuem títulos de campeão e vice em vários níveis e categorias do Sertões, o que deu aos Varela no meio do off-road o apelido de "Família da Poeira".
"É sensacional o carinho que as pessoas têm pela nossa equipe em todos os lugares aonde vamos", diz Rodrigo Varela, o mais velho dos três herdeiros do tricampeão mundial. "Mas é importante frisar que tudo o que conquistamos é resultado de um trabalho em equipe construído por muitos anos. Somente neste Sertões nossa equipe contará com o apoio in loco de 45 pessoas, que cuidam da parte técnica, logística, estratégia, alimentação, enfim, é uma organização que o público em geral não vê e que nos dá muito orgulho", completa Rodrigo, que no Sertões foi campeão na categoria Quadriciclos Experience 450 (2009), e depois conquistou o vice-campeonato em 2010 (Quadriciclo 450), 2013 e 2015 – os dois últimos já nos UTVs.

Sobre o Sertões 2020 – Da largada em Mogi Guaçu, interior paulista, até a bandeirada final, no dia sete de novembro, no Maranhão, os competidores terão percorrido 4.749km, cruzando também os estados de Minas Gerais, Goiás e Tocantins, além do Distrito Federal. Com a criação da categoria Light, o grid contará com 233 veículos e 403 competidores. A categoria UTV reunirá 55 veículos, dois a mais do que em 2019. No total, a prova contará com a participação de 403 inscritos entre pilotos e navegadores. A prova terá início com um prólogo realizado na região do Autódromo Velocitta.

X Rally Team e as estratégias para o Rally dos Sertões 2020

Em uma competição como o Rally dos Sertões, mais do que a qualidade do equipamento, potência, estabilidade e confiabilidade, além do talento e estratégia de piloto e navegador, um item – ou melhor, quatro, no caso dos carros – faz grande diferença no desempenho dos competidores: os pneus. Para a edição 2020 do maior rali das Américas, que começa nesta sexta-feira (30) em Mogi Guaçu (SP), a equipe X Rally Team terá seus carros equipados pelos pneus da BFGoodrich. A prova percorrerá cerca de 5 mil quilômetros em sete dias, atravessando o país para chegar a Barreirinhas, no Maranhão.

"Quando andamos pela primeira vez com este modelo de pneu, já pudemos sentir uma diferença enorme no desempenho", destacou o piloto Cristian Baumgart, tricampeão do Sertões. "Os compostos melhoraram muito o nosso rendimento e até mesmo a nossa confiança ao atacar as curvas ou encarar superfícies variadas", completou. Seus elogios foram ressaltados por seu irmão, o também piloto Marcos Baumgart, tricampeão brasileiro e campeão sul-americano de rali cross country.

"São mais macios, e por isso, mais rápidos que os pneus que usamos anteriormente. Os BFGoodrich 'casaram' muito bem com o nosso Toyota, e já na primeira competição de que participamos com este carro e com estes pneus, em Portugal, fomos muito bem. Estes pneus têm grande crédito pelo desempenho que este carro tem alcançado", disse. Em Portugal, os irmãos disputaram o Baja Capital dos Vinhos no final de setembro. Cristian, ao lado do navegador Beco Andreotti, venceu a prova, com Marcos e o navegador Kleber Cincea terminando em terceiro lugar.

O modelo que será usado pelos irmãos Baumgart nos Toyota Hilux IMA preparados pela Overdrive são os BFGoodrich KDR2+ M Competition GO LT245/80R16nos quais foram incorporadas todas as tecnologias que o Grupo Michelin acumulou durante mais de 100 anos de participação em competições as mais diversas possíveis bem como tecnologias extraídas de outros tipos de utilização. A capacidade do Grupo Michelin para agrupar suas inovações é única na indústria de pneus atual. Por exemplo, os pneus BFGoodrich KDR2+ adaptaram uma tecnologia antifuros utilizada nos pneus de avião da marca Michelin chamada NZG. Com essa tecnologia, a probabilidade de um furo ou um corte na banda de rodagem diminuiu drasticamente.

"A redução de peso também é muito importante em um veículo de competição. Os pneus BFGoodrich KDR2+ reduziram em até quatro quilos por pneu na dimensão 37X12.50 R 17 em relação a geração anterior. Com isso, os veículos ficam muito mais ágeis e mais fáceis de pilotar. E, através dos novos compostos e novos materiais utilizados, a BFGoodrich entrega o pneu KDR2+ ainda mais resistente, comprovado nos testes realizados nas competições nos Estados Unidos", completou Flavio Santana, engenheiro de campo da BFGoodrich.

Outro ponto melhorado nos pneus BFGoodrich KDR2+ é a capacidade de tração nos mais diversos tipos de terreno, evitando assim a utilização de pneus diferentes dependendo da etapa do Rally. O desenho da banda de rodagem foi todo projetado nos computadores e melhorado pelos desenhistas mais experientes do Grupo Michelin em competições fora de estrada para propiciar uma limpeza da escultura muito rápida quando utilizado na lama e areia molhada, evitando as patinagens e perdas momentâneas de tração comuns em algumas utilizações e em outros pneus.

Os competidores deverão enfrentar, pela primeira vez em muitos anos, condições verdadeiramente mistas no Sertões 2020, uma vez que há previsão de chuva para algumas das regiões pelas quais a prova deverá passar nos próximos dias. Assim, a habitual poeira terá também a companhia da lama desta vez.

"Os pneus serão parte determinante na nossa estratégia de corrida", destaca o navegador tricampeão Beco Andreotti. "A melhora na tração do carro com esse pneu foi, para mim, o ponto alto deste modelo", afirmou. "Mesmo estando no banco do navegador, é possível sentir a diferença de desempenho, e saber que podemos contar com um produto dessa qualidade de tecnologia fará toda a diferença nas nossas escolhas estratégicas para este Sertões", finalizou o navegador tricampeão brasileiro Kleber Cincea.

 

TOYOTA HILUX IMA OVERDRIVE – FICHA TÉCNICA

Pneus: BFGoodrich KDR2+ M Competition GO LT245/80R16
Motor: 5.0L V8 (Lexus RCF)
Potência: 390 HP
Torque: 590 Nm
Vel.Máx.: 195 km/h aprox.
Injeção: Direta de nova especificação
Transmissão: Câmbio Sadev sequencial 6 marchas + ré
Embreagem: AP Racing Sinter metálica
Diferenciais: Gemini Overdrive/Hallspeed
Chassis: Tubular com habitáculo em carbono-kevlar
Freios: 6 pistões refrigerados a água (frente e traseira)
Suspensão: Independente nas 4 rodas com 280 mm e amortecedores BOS
Comprimento: 4.800mm
Largura: 2.000mm
Altura: 1.750mm
Peso: aprox.. 1.850 kg vazio (mínimo pelo regulamento FIA)
Entre-eixos: 2.900mm
Tanque de combustível: FT3 Safety Tank 500L de capacidade

50 Anos da tração 4X4 Suzuki

50 anos após seu nascimento, a tração nas quatro rodas da Suzuki está mais atual do que nunca e é um dos pilares da marca. Através de cinco décadas de constante evolução, o atual AllGrip foi capaz de se adaptar a diferentes tipos de carros e alcançou cinco segmentos (compacto, urbano, off-road, SUV e Crossover) e todos os modelos Suzuki comercializados na Espanha: Swift, Ignis , Jimny, Vitara e S-Cross. Graças a isso, a Suzuki trouxe tração 4×4 para todos os públicos e a um preço razoável. De fato, o Suzuki Swift 1.2L 4×4 Mild Hybrid (exclusivo em seu segmento) e o Ignis 1.2L 4×4 Mild Hybrid são os dois modelos de tração integral mais acessíveis dos vendidos no mercado espanhol.

1970: o primeiro Jimny aparece

O compromisso da Suzuki com a tração nas quatro rodas começou no final dos anos 60, quando foi observada a necessidade de criar um SUV pequeno, eficiente, simples e leve. Em 1970, foi apresentado o Suzuki LJ10 Jimny, que media menos de três metros de comprimento, pesava apenas 600 kg, tinha 3 assentos e um motor de dois tempos de 360 ​​cm3 e 25 HP. Essas dimensões e dimensões, juntamente com um sistema de tração nas quatro rodas que pode ser conectado a uma engrenagem de redução e ao rígido eixo duplo, fizeram dele um veículo off-road eficiente. Ele podia escalar trialeras, entrar em florestas profundas e avançar por caminhos estreitos sem se desgrudar.

O sucesso do primeiro Jimny foi imediato e, nos anos 70, evoluiu, ganhando força e capacidade. O mundo precisava de Jimny e as exportações começaram com a chegada de melhores benefícios. Motores mais potentes e três corpos chegaram: abertos, fechados e pickup.

Nos anos 80, nasce outro mito: o Vitara

A Suzuki estava à frente de seu tempo ao apresentar o Vitara no Tokyo Motor Show de 1988, criando um carro que lançou as bases para o conceito de SUV que está tão na moda hoje. Esse modelo visionário trouxe a tração nas quatro rodas para um novo tipo de carro, mais confortável, amigável e eficiente na cidade e na estrada do que os SUVs convencionais.

O Suzuki Vitara tem tração nas quatro rodas em seus genes e, ao longo de suas três décadas de vida, permaneceu fiel à idéia original. Hoje é o único SUV da sua classe que possui um verdadeiro sistema de tração nas quatro rodas e oferece um verdadeiro espírito 4×4.

Na década de oitenta (1981), também veio a segunda geração do Jimny, o SJ 410, com um estilo mais atual, a mesma filosofia leve e eficiente e de olho nas exportações. Em 1983, o SJ 413 foi lançado, já com um motor de 1,3 litro, caixa de 5 marchas e um interior aprimorado que estabeleceu a marca em novos mercados. Este modelo começou a ser produzido sob licença na Espanha a partir de 1985. Em 1988, o Samurai apareceu, com faixas mais amplas e melhor comportamento; e logo depois, o Corpo Longo, com 58 centímetros a mais de comprimento.

Anos 90, sucesso sem precedentes do Vitara

Nos anos 90, a Vitara superou todas as expectativas de vendas em todo o mundo. Ao longo de sua história, mais de 3 milhões de unidades deste carro foram comercializadas, comercializadas em 190 países e cinco continentes e fabricadas em três.

A gama está em expansão e, em 1991, foi lançada a carroceria de quatro metros e cinco portas. Novos motores, como o 1.6i de 16 válvulas de 97 cv ou o V6 de 2,5 litros, melhoram suas capacidades e conforto. O motor 1.9TD chegou à Europa em 1996. A produção dessa geração do Vitara levaria cinco anos.

O ano de 1998 foi muito importante para a linha Suzuki 4×4, porque foram apresentados dois novos modelos: Grand Vitara e Jimny. O primeiro trouxe um design mais elegante e maior capacidade interior, mantendo intacta a herança 4×4 da Suzuki com seu chassi separado, tração conectável e suspensões capazes. O Jimny de terceira geração teve suspensão de mola, o que aumentou o deslocamento da roda em comparação com o SJ anterior; e tinha um sistema de tração conectável em movimento. O design bem-sucedido de Jimny permitiu que ele estivesse no mercado por 20 anos, com pequenas atualizações, até 2018.

Chegam os crossovers da Suzuki com tração integral

A Suzuki aperfeiçoou o conceito original com a segunda geração do Grand Vitara, lançada em 2005. Com um design mais esportivo e atraente, foi oferecida com uma extensa gama de motores e um sistema de tração 4×4 conectável com diferentes modos de direção.

Em 2003, a Suzuki inova mais uma vez, apresentando uma versão 4×4 do pequeno crossover Ignis. Os crossovers se estabelecem na linha Suzuki com o lançamento do SX4 em 2005. A tração nas quatro rodas também se estende a outros tipos de carros e, em 2009, um salão como o Suzuki Kizashi também se beneficia dessa tecnologia.

Os anos 2010: total comprometimento com a tração nas quatro rodas

Nesta década, nasce uma nova geração do Vitara, que permanece fiel ao espírito original e à tração nas quatro rodas. Há também uma nova geração do SUV puro: o Jimny; e o Ignis, S-Cross e Swift, que se torna o único modelo de tração integral no segmento B.

Os sistemas de tração 4×4 da Suzuki são agrupados sob o nome All Grip e três variantes deste sistema são criadas para melhor adaptação a diferentes estilos de vida e tipos de carros. O Suzuki Ignis e Swift montam o sistema All Grip AUTO simples e eficiente. O Vitara e o S-Cros possuem o All Grip SELECT, que permite selecionar através de um comando entre quatro programas: Automático, Esporte, Neve e Trava. E o Jimny SUV possui o All Grip PRO com redutor.

Escolha seu roteiro depois que a quarentena acabar

Se nos dias de hoje o melhor que podemos fazer é não sair de casa, que tal usar esse tempo confinado para programar a sua próxima aventura fora de estrada?

A Mitsubishi, em parceria com Renato Perotti, parceiro da marca e organizador das expedições que levam a marca Sertões, preparou um guia completo com dicas de destinos para o seu próximo passeio.

“O Brasil é um País que reúne condições ideais para viagens fora de estrada. Suas dimensões continentais com diversos tipos de clima e vegetação além, claro, de estradas bastante desafiadoras, são um prato cheio para que gosta de sair com seu 4×4 para explorar novos lugares”, afirma Fernando Julianelli, diretor de marketing e comunicação da Mitsubishi no Brasil.

Abaixo, você encontrará dicas preciosas e cinco sugestões de roteiros imperdíveis.

Antes de se aventurar

Antes de pegar a estrada, verifique as condições de sistemas essenciais para o bom funcionamento de seu veículo: freios, motor, câmbio, faróis, suspensão e pneus devem estar em perfeitas condições. Atente-se também aos níveis de água e fluídos de seu veículo, que devem estar dentro da normalidade.

Prepare-se e se planeje bem

Além de procurar pesquisar bem sobre a trilha e a região que você irá explorar, leve sempre com você um GPS portátil, que pode ser muito útil em caso de emergência. Não se esqueça também de levar itens como uma boa lanterna, um kit básico de ferramentas e, se couber, um galão com combustível extra. Estar bem preparado para uma viagem para lugares inóspitos é fundamental. Por mais experiência que se tenha na prática da condução fora de estrada, podemos sempre nos deparar com uma situação inusitada que exigem uma boa saída” garante Renato Perotti.

 Explorando destinos incríveis pelo Brasil

1 – Serra da Mantiqueira, São Paulo e Minas Gerais

Foto: Cadu Rolim/Fotovelocidade

Saindo da cidade de São Paulo sentido São José dos Campos, encontramos um passeio com aproximadamente 200 quilômetros de distância pela estrada velha de Campos do Jordão, na região de Monteiro Lobato.

Basta seguir pelo asfalto ou encontrar as diversas opções de estradinhas de terra que chegam até a bucólica cidadezinha de São Francisco Xavier. De lá é possível acessar por trilha a cidade de Monte Verde, já em Minas Gerais.

Mais do que trilhas off road, a região está repleta de montanhas e cachoeiras que formam uma paisagem única. Várias opções de restaurantes e pousadas charmosas encantam os viajantes.

2 – Serra da Bocaina, São Paulo

Bem entre Rio de Janeiro e São Paulo, a Serra da Bocaina abriga uma das mais importantes cidades históricas do Brasil, o município de Bananal, que era a mais rica do País nos tempos do café, quando os escravos ainda trabalhavam nas imensas fazendas da região.

E algumas delas ainda existem, agora como pontos turísticos. É o caso da Fazenda 3 Coqueiros, que traz um acervo imenso de peças históricas da época do Brasil Império.

A Fazenda Boa Vista é outra que vale a visita. Ela é uma das mais conhecidas da região e já serviu e cenário para inúmeras novelas de época.

De Bananal saem trilhas incríveis que dão acesso à lugares remotos no topo da serra, de onde é possível acessar cachoeiras e belas montanhas com vista para o mar da região de Parati.

3 – Serra da Canastra, Minas Gerais

Muito mais do que produtores de queijos premiados, a Serra da Canastra em Minas Gerais, reúne uma série de trilhas e cachoeiras de cair o queixo. As cidades de São João Batista da Glória e São Roque de Minas, próximas ao Parque Nacional da Serra da Canastra, reúnem paisagens deslumbrantes e um ambiente mais do que acolhedor.

Passeios guiados pelas trilhas off road por todo o Parque estão disponíveis de forma fácil.

4 – Serra do Rio do Rastro com cânions, Santa Catarina

O interior de Santa Catarina também reúne cânions com paisagens cinematográficas. Saindo de Florianópolis, sugerimos um roteiro de fim de semana com um trajeto total de aproximadamente 500 quilômetros.

Basta seguir da capital catarinense rumo a Urubici, onde se pode almoçar com uma linda vista para a serra. Saia da cidade e siga a Braço do Norte pela famosa Serra do Corvo Branco.

Antes do pôr-do-Sol, suba a Serra do Rio do Rastro, considerada por muitos a estrada mais linda do Brasil. Uma vez no topo, você chegará a cidade de Bom Jardim, onde poderá passar a noite. No dia seguinte, aproveite seu 4×4 para desfrutar as estradas que percorrem as encostas dos cânions da região.

5 – Cânions de Aparatos da Serra, Rio Grande do Sul

Distante cerca de 186 quilômetros de Porto Alegre, a região do Parque Nacional de Aparatos da Serra, próxima a Cambará do Sul é uma das mais belas do País. Pelas trilhas da região, os praticantes do 4×4 encontram os mais distintos desafios off road em um ambiente deslumbrante em meio aos cânions como Itaimbezinho, Monte Negro e Fortaleza.

As travessias dos rios Passo da Ilha e Passo do S são bastante desafiadoras e devem ser feitas com a ajuda de um guia local. 

A vista da Cachoeira dos Rodrigues e da Cachoeira dos Venâncios são paradas obrigatórias.

6- Pegadas do Cerrado, Goiás

Bem no extremo sudoeste Goiano, está a cidade de Caiapônia, com mais de 100 cachoeiras catalogadas, entre Jataí e Aragarças. Vale a pena os 600 quilômetros de viagem em meio às fazendas, conhecendo o agronegócio da região, misturado com as belezas dos rios. Desstaque para Cachoeira Salto do Paraguassú com sua praia particular e sua queda de 96 metros! Só chega de 4×4!

Mitsubishi Experience

A Mitsubishi promove, há décadas, uma série de ralis e passeios aos clientes e fãs da marca.

É o Mitsubishi Experience, evento que reúne a cada etapa centenas de clientes das marcas em passeios organizados por profissionais renomados no mundo 4×4. A cada edição, os participantes têm a oportunidade de explorar toda a capacidade de seus veículos, além de vivenciar um dia único em meio a paisagens exuberantes do Brasil.

Por conta do isolamento social, o calendário do Mitsubishi Experience está sendo reprogramado. Informações completas podem ser acessadas pelo site:

https://mundomit.com.br/ralis/experience/

Profissionais da saúde de carro novo

Em uma singela forma de reconhecimento aos profissionais da área da Saúde, cuja atuação tem sido ainda mais estratégica e corajosa neste momento, a Fiat criou uma condição exclusiva para a categoria: três anos de revisão gratuita em modelos zero-quilômetro adquiridos até 6 de maio.

O benefício é válido para profissionais da Saúde – tais como médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, farmacêuticos, fisioterapeutas e nutricionistas, entre outros – que comprovarem vínculo ativo com Conselho Regional da atividade ou entidade similar. Para conhecer a lista completa de profissionais beneficiados, basta consultar qualquer concessionário da Rede Fiat em todo o Brasil. A condição é válida para compras feitas tanto no varejo quanto em venda direta.

“Mais do que nunca, a atuação dos profissionais de Saúde está fazendo a diferença em nossa sociedade. Para nós, da Fiat, é muito importante reconhecer o esforço de quem está na linha de frente e mostrar o nosso profundo respeito e admiração a essas mulheres e homens que se dedicam diariamente a salvar vidas”, afirma Herlander Zola, Diretor do Brand Fiat e Operações Comerciais Brasil.

A promoção exclusiva aos profissionais da Saúde se soma a outras condições que a Fiat vem praticando neste momento, como pagamento da primeira parcela do financiamento de novos apenas em janeiro de 2021. Nessa condição, com entrada de 40% ou 50%, o cliente poderá optar pelo pagamento em 36 ou até 48 vezes, respectivamente.

Referência como “Marca Digital” na indústria automotiva brasileira, a Fiat também tem reforçado ainda mais a sua presença online para garantir o atendimento aos clientes neste momento de exceção. Em seu site, destaca-se o “Plantão Fiat”, que esclarece as principais dúvidas dos clientes, explica funcionalidades dos veículos, dá dicas sobre cuidados especiais de higienização para os modelos e ainda detalha os planos de revisão e garantia – que foram estendidos.

“A Fiat sempre foi uma marca muito sintonizada com a vida dos brasileiros. Estamos vivendo uma nova realidade, altamente desafiadora, e estamos nos esforçando diariamente para oferecer as melhores condições aos nossos clientes”, conclui Zola.

SOLIDARIEDADE

A Fiat tem participado ativamente das iniciativas empreendidas pela Fiat Chrysler Automóveis (FCA) para auxiliar no combate à grave crise decorrente da propagação da Covid-19 no Brasil. Por exemplo, o Fiat Clube, em Betim, teve uma área de 2 mil m² convertida no primeiro hospital de campanha para pacientes da pandemia no Estado de Minas Gerais. Além disso, a Fiat também doou duas Ducatos adaptadas como ambulâncias para os hospitais de campanha apoiados pela FCA em Betim e em Goiana (PE), entre outras medidas.

Jeep com o toque e a criatividade Mopar

Texto original traduzido eletronicamente sem revisão.

O Gladiador Jeep® reinará supremo na Páscoa Jeep Safari deste ano, com as marcas Jeep e Mopar unindo-se novamente para criar seis novos veículos de conceito customizados para o evento anual que acontece em Moab, Utah, de 13 a 21 de abril. Pelo 53º ano, milhares de entusiastas de off-road irão a Moab para o evento anual de Jeep para participar de uma semana de off-road técnico em alguns dos terrenos mais desafiadores e cênicos do país.

“O Moab Easter Jeep Safari oferece o local perfeito para interagir e coletar feedback de nossos clientes mais leais e apaixonados – os entusiastas obstinados que participam do evento todo ano”, disse Tim Kuniskis, diretor da Jeep Brand – América do Norte. “O safári deste ano marcará a estreia do altamente antecipado Jeep Gladiator nas trilhas cênicas e exigentes de Moab. Para celebrar, estamos apresentando seis novos veículos-conceito de Jeep baseados em caminhões, divertidos e ultra-capazes, que certamente vão virar a cabeça e encantar a multidão. ”

Uma vasta seleção de peças de produção e protótipo Jeep Performance Parts estão entre os destaques da coleção de veículos conceituais Jeep deste ano. A marca Mopar desenvolve todas as peças de desempenho Jeep com especificações rigorosas e capacidade lendária 4×4 em mente. Isso permite que os proprietários de jipes aprimorem ainda mais seus veículos de estoque com confiança.

“A personalização é uma das maiores prioridades para os entusiastas da marca Jeep. É por isso que desenvolvemos proativamente um portfólio de mais de 200 peças e acessórios exclusivos para o novo Jeep Gladiator ”, disse Steve Beahm, chefe de peças e serviços (Mopar) e marcas de automóveis de passageiros, FCA – América do Norte. “Este portfólio é apoiado por uma garantia de fábrica e foi submetido a dezenas de milhares de horas de desenvolvimento, teste e validação, proporcionando aos nossos clientes uma grande variedade de produtos e tranquilidade. No Jeep Safari de Páscoa de 2019, estaremos inspirando nossos clientes mostrando apenas uma fração do que está atualmente disponível em nosso catálogo e também alguns acessórios conceituais que podem entrar em produção no futuro próximo. ”

Jeep Wayout
O conceito Jeep Wayout é um verdadeiro veículo que se aproveita da nova classe de carga do Gladiator para permitir que os aventureiros sigam o caminho mais conhecido. O Jeep Wayout é um conceito funcional que apresenta uma tenda no teto e um amplo e personalizado dossel.

O exterior blindado da Wayout apresenta uma nova cor Gator Green que estará disponível nos modelos Gladiator de produção. Um rack de cama personalizado com uma escada integrada leva a tenda do teto que acomoda duas pessoas confortavelmente, enquanto o toldo de 270 graus com iluminação LED âmbar ajuda os viajantes a montar acampamento quando o dia termina.

Para maior conveniência, dois tanques de combustível auxiliares customizados estão integrados nas cabeceiras. Além disso, um sistema de ar de bordo da ARB com uma linha de fornecimento de ar de desconexão rápida montada no corpo permite que os aventureiros viajem mais longe da rede.

Para capacidade adicional, um kit de elevação de 2 polegadas do Jeep Performance Parts aumenta a altura do solo sobre rodas de aço de 17 polegadas que são abraçadas por pneus de terreno de lama de 37 polegadas, proporcionando um distinto sentimento retrô ao recolocar os pickups Willys originais que pavimentaram o caminho para modernos caminhões Jeep. Além disso, um 12.000-lb. Warn guincho e Jeep Performance Parts snorkel ajudar a superar vários obstáculos – tanto molhado e seco.

A Jeep Wayout possui um sistema integrado personalizado de teto para embalar a parte superior do equipamento, e a cabine do caminhão abriga um sistema de gaveta da Mopar / Decked para armazenamento a seco com trava adicional em longas caminhadas. No interior, foram adicionados pisos revestidos de cama, além de assentos de couro marrom aparados com inserções de mapas topográficos gravados a laser.

O Jeep Wayout é equipado com o premiado motor Pentastar V6 de 3,6 litros e acoplado a uma transmissão automática de oito velocidades.

Jeep Flatbill
Projetado com o estilo de vida do deserto em mente, o conceito Jeep Flatbill é um outro olhar divertido para o novo Gladiador, misturado com as emoções extremas do mundo Motocross – resultando em uma aparência inconfundível, adornos e agitada que serve como o caminhão final para uma variedade de brinquedos.

No exterior, a cultura Motocross inspirou o capô de carbono ventilado e os flares de alta folga, enquanto um pára-choques dianteiro encurtado e uma placa antiderrapante customizada melhoram o ângulo de aproximação. 

O Jeep Flatbill é um caminhão dedicado a andar de bicicleta e está totalmente equipado para lidar com o transporte de bicicletas de terra para qualquer aventura off-road. Isso é demonstrado pela cama de caminhão do conceito Flatbill, que apresenta um par de motos sujas prontas para a ação. Com a remoção da porta traseira, foram instaladas rampas de roda dedicadas que deslizam para facilitar o acesso e o carregamento. Trabalho corporal personalizado na cama diminui, além da adição de um pára-choques traseiro de tubo, aumenta o ângulo de saída do veículo para maior capacidade.

Os eixos dianteiro e traseiro Dynatrac Pro-Rock 60 e um kit de elevação personalizado de 4 polegadas Evolução Off-Road ajudam o Flatbill a enfrentar qualquer obstáculo. Grandes amortecedores de desvio traseiro, juntamente com rodas de 20 polegadas foram adicionados, bem como pneus de 40 polegadas – a primeira vez em qualquer Jeep Gladiator – combinando-se para fornecer tração superior e desempenho off-road.

No interior, o piso de cama brilhante e os assentos personalizados criam um ambiente divertido e esportivo.

O Jeep Flatbill é alimentado pelo motor Pentastar V6 de 3,6 litros com uma entrada Mopar de ar frio e acoplado a uma transmissão automática de oito velocidades.

Jeep M-715 Five-Quarter
Continuando a tradição de Jeep Safari da Páscoa de "Resto-Mods" vem o Jeep M-715 Five-Quarter que é uma mistura perfeita de componentes vintage e modernos. O termo "Cinco quartos" é um aceno histórico para os caminhões Jeep do passado, que eram de um e um quarto de toneladas – ou "cinco trimestres".

Começando com um 1968 M-715, este veículo militar baseado em Gladiador foi re-imaginado com melhorias de design e funcional para suas configurações de chassi, drivetrain e carga, resultando em uma peça verdadeiramente capaz.

No exterior, o metal da folha dianteira original foi removido e uma extremidade dianteira de fibra de carbono completa toma o seu lugar. Além disso, foi instalada uma cama de alumínio de 6 pés, totalmente nova e cortada sob medida, que foi perfurada e recortada usando uma mistura de painéis de corte a jato de água e lâminas de madeira. Modificações corporais adicionais incluem uma queda de 3,5 polegadas em seu capô conversível, aumentando ainda mais sua silhueta de monster truck de fábrica.

Os faróis foram substituídos por novas luzes HID, juntamente com luzes auxiliares de LED para uma ampla visibilidade externa. Para trás, luzes de halo LED foram instaladas nos baldes de luz traseira originais. Para proteger o corpo, os roqueiros originais foram removidos e substituídos por trilhos de rocha funcionais que percorrem todo o comprimento do corpo. Foram instalados pára-choques de aço frontais modificados Jeep Gladiator Rubicon que complementam o corpo escovado com acabamento metálico e a tampa traseira, produzindo uma aparência polida.

A capacidade off-road do M-715 Five-Quarter foi aprimorada reforçando a estrutura original e substituindo as molas de lâmina por um sistema de suspensão de link / bobina para serviço pesado. Além disso, o eixo dianteiro foi puxado para frente duas polegadas e substituído por um eixo dianteiro Dynatrac Pro-rock 60 e um eixo Dynatrac Pro-rock 80 na parte traseira, enquanto rodas de 20 polegadas beadlock são envoltas com grandes pneus de 40 polegadas.

No interior, novos assentos Jeep Wrangler livres de encostos de cabeça foram instalados para um visual elegante e de baixo para trás. Além disso, componentes de alumínio com jato de água formam um novo painel de instrumentos leve e premium, bem como painéis de porta. Um supercompressor vintage 8-71 reaproveitado agora serve para envolver os transmissores de caixa de transmissão e transferência, e os pisos foram forrados para maior durabilidade.

A potência é fornecida ao Jeep M-715 Five-Quarter por um motor HEMI V-8 “Hellcrate” de 6,2 litros que produz mais de 700 cavalos de potência.

Jeep J6
O conceito Jeep J6 é todo caminhão, o tempo todo, misturando o clássico estilo de caminhão Jeep do final dos anos 1970 com o protótipo e a produção da Jeep Performance Parts da Mopar.

O Jeep J6 é um Rubicon personalizado em uma configuração de duas portas, maximizando o espaço de carga com uma grande área de “caixa” de leito funcional de seis pés que é 12 polegadas mais longa que a cama Jeep Gladiator padrão. A Mopar e a equipe do Jeep Design voltaram no tempo para a pintura personalizada do Metallic Brilliant Blue, uma homenagem ao visual externo do Jeep Honcho de 1978. O comprimento total do J6 é de 201 polegadas, enquanto a distância entre eixos gira em 118,4 polegadas, combinando a distância entre eixos da geração atual Jeep Wrangler 4 portas.

A área de cama aumentada é protegida por um protótipo de spray de combinação de cor e corpo em cama. Um robusto protótipo de barra de aço / rolo protótipo de aço de dois-e-um quarto de polegada plantado na cama possui um conjunto de quatro luzes LED de 5 polegadas Jeep Performance Parts que brilham a 4.800 lumens cada. Um protótipo de transportadora de pneus sobressalentes armazena até um pneu de 37 polegadas.

Protótipo 17-inch beadlock rodas com um design de "prato fundo" são estabelecidas a partir do exterior metálico azul brilhante com um acabamento de macaco de latão, rodeado por um anel de prata beadlock. Um kit de elevação de 2 polegadas Jeep Performance Parts de produção funciona com pneus agressivos de 37 polegadas para adicionar espaço extra na pista.

Modificações adicionais defendem o Jeep J6 contra obstáculos off-road, incluindo um protótipo de barra de aço de 2 polegadas que trava no pára-choque dianteiro Rubicon e trilhos de rocha personalizados com tubos de aço de 2 polegadas soldados nos trilhos Jeep Gladiator padrão. O conceito hard top é removível e o clássico Jeep J6 é colocado na traseira e nos pára-lamas laterais.

A barra stinger atua como um ponto de montagem para quatro luzes LED adicionais de 5 polegadas Jeep Performance Parts, com outras duas aparafusadas próximas aos pilares A, para um total de dez LEDs de 5 polegadas trabalhando juntos para iluminar a trilha. A grade é personalizada Mopar Satin Black, e o estoque Jeep Gladiator Rubicon capô é acentuado com travas de capô Mopar com o logotipo da Jeep. O motor de 3,6 litros recebe uma colisão de desempenho através da entrada de ar frio Jeep Performance Parts e do escapamento duplo de cat-back O DNA externo flui para o interior do Jeep J6. As inserções do painel de instrumentos são combinadas com a cor do corpo, e os assentos de couro e os braços da Katzkin também são acentuados com costura azul na cor da carroçaria. A almofada de chifre é personalizada com um crachá de jipe ​​clássico. O banco de chaves auxiliares oferece um local de operação central para as 10 luzes LED, e o interruptor de controle do freio do reboque mostra a capacidade de usar energia de parada adicional ao rebocar. Um kit de pedal brilhante, tapetes para todos os climas e protetores de soleira da porta moldados com o logotipo da Jeep completam a linha de acessórios da Mopar.

Jeep JT Scrambler
O conceito Jeep JT Scrambler é um remix inspirado pela herança, carregando a paleta de cores de retrocesso e gráficos do icônico CJ Scrambler cruzados com uma combinação de peças de Jeep Performance disponíveis e toques conceituais.

O visual do Scrambler CJ8 da era dos anos 1980 é recriado com protótipos do lado do corpo do Punk'N Metallic Orange e do Nacho correndo dos painéis dianteiros até a cama, e um gráfico de capuz correspondente. O exterior branco é coroado com um top de liberdade pintado em âmbar vintage, continuando a sensação retro.

A área da cama é personalizada com um forro de cama em spray e um tubo protótipo de barra de esporte / rolo de aço de 2 polegadas pintado em branco. Esta versão do sport / roll bar ancora-se à cama e também prolonga o comprimento dos trilhos da cama em cada lado, oferecendo um total de oito pontos de amarração para bloquear a carga. As luzes LED difusas montadas no sport / roll bar são direcionadas para o leito traseiro, fornecendo iluminação na área de carga.

Baseado no Jeep Gladiator Rubicon, o Scrambler puxa generosamente da linha de Jeep Performance Parts da marca Mopar, incluindo um conjunto de quatro luzes de LED de 5 polegadas posicionadas no topo da barra de esporte / roll e duas postas nos pilares A do veículo. Virado para a frente na proteção da escova na frente, há um par de luzes LED de 7 polegadas do Jeep Performance Parts, apontando o caminho para 8.000 lumens cada.

As jantes de 17 polegadas do Jeep Performance Parts são personalizadas em bronze de conceito para combinar com o tema de cor exterior. Um kit de içamento Jeep Performance Parts de 2 polegadas ajuda a acomodar pneus grandes de 37 polegadas e os robustos trilhos de rock Jeep Performance Parts possuem um grip antiderrapante. O motor de 3,6 litros é reforçado com uma entrada de ar frio da Mopar e um escapamento cat-back.

O tema da cor Scrambler é seguido no interior. Assentos de couro Katzkin Amaretto Brown são delimitados em fio laranja, com o logotipo da grade Jeep bordado em um leve Tungsten nos encostos dos bancos. O painel de instrumentos e os apoios de braços recebem o mesmo tratamento de couro Katzkin Amaretto Brown com detalhes de fio laranja a condizer. O banco de interruptores auxiliares oferece um único local para o funcionamento de acessórios, incluindo as luzes LED, e o kit de pedais brilhantes da Mopar e os tapetes para todos os climas também vestem o interior.

Jeep Gladiator Gravity
O conceito Jeep Gladiator Gravity, com temática de alpinista, é elevado com um complemento completo de Peças de Performance Jeep disponíveis da Mopar para ajudar a equipar aqueles que desejam alcançar alturas maiores.

O Jeep Gladiator Rubicon, colorido em Punk'N Metallic Orange, é uma expressão pronta para o uso de como o Jeep Performance Parts pode ajudar a melhorar a capacidade e a versatilidade da nova pickup. Na área da cama, os trilhos cruzados da Mopar trabalham em conjunto com uma cesta de transporte de carga para fornecer espaço de armazenamento para equipamentos de escalada, como cordas, mosquetões, capacetes e calçados. Um sistema de armazenamento de cama de caminhão Mopar / Decked exclusivo oferece espaço de carga lockable adicional através de gavetas de deslizamento dual, permitindo ainda para armazenamento em cima na área da cama.

O potencial ao ar livre do Jeep Gladiator – diferente de qualquer outro oferecido por um caminhão de produção de tamanho médio – é realizado através de portas de tubo de aço redondo de 2 polegadas da Jeep Performance Parts, uma malha de proteção solar que proporciona cobertura e mantém a sensação de cima para baixo. e tiras de amarração que prendem o pára-brisa quando abaixadas.

A gravidade do Jeep Gladiator é elevada com o kit de elevação de 2 polegadas do Jeep Performance Parts e roda em rodas de engrenagem de 17 polegadas com pneus de 35 polegadas. Os trilhos de rocha Jeep Performance Parts de aço de alto calibre são mais espessos e mais largos e utilizam o mesmo revestimento de pó nos revestimentos de cama Ram Truck para dar um acabamento antiderrapante. Na frente da grade preta de cetim da Mopar, as luzes LED de 7 polegadas da Jeep Performance Parts mostram o caminho a seguir, com a ajuda de luzes LED de 5 polegadas nos pilares A.

O veículo é atualizado com uma entrada de ar frio e sistema de escape cat-back para aumentar a potência e o torque. No interior, o interior é decorado com assentos de couro Katzkin com o logotipo da grade Jeep bordado em costura de tungstênio. Os acessórios adicionais da Mopar incluem pegas com o logótipo da grelha Jeep, sacos MOLLE (equipamento leve de transporte modular de carga) para armazenamento e tapetes para todos os tipos de tempo com um sistema único de encaixe que permite a drenagem directa de água e detritos.

Jeep Brand
Construído com mais de 75 anos de herança lendária, o Jeep é o autêntico SUV com capacidade líder de classe, habilidade e versatilidade para pessoas que buscam viagens extraordinárias. A marca Jeep oferece um convite aberto para viver a vida ao máximo, oferecendo uma linha completa de veículos que continuam a proporcionar aos proprietários uma sensação de segurança para lidar com qualquer viagem com confiança. 

A linha de veículos do Jeep é composta por Cherokee, Compass, Gladiator, Grand Cherokee, Renegade e Wrangler. Para atender a demanda do consumidor em todo o mundo, todos os modelos de jipe ​​vendidos fora da América do Norte estão disponíveis nas configurações de direção esquerda e direita e com opções de motor a gasolina e diesel.

Sobre a Mopar A
Mopar (uma simples contração das palavras MOTOR e PARTS) é a marca de serviço, peças e atendimento ao cliente para veículos FCA em todo o mundo. Nascida em 1937 como o nome de uma linha de produtos anticongelantes, a marca Mopar evoluiu ao longo de mais de 80 anos para representar tanto o cuidado completo quanto o desempenho autêntico para proprietários e entusiastas em todo o mundo. A Mopar deixou sua marca na década de 1960 durante a era do muscle car, com a Mopar Performance Parts para aumentar a velocidade e o manuseio tanto no uso em estrada quanto em corridas, e expandida para incluir assistência técnica e suporte ao cliente.

Hoje, o alcance global da marca Mopar distribui mais de 500.000 peças e acessórios em mais de 150 mercados em todo o mundo. Com mais de 50 centros de distribuição de peças e 25 centros de atendimento ao cliente em todo o mundo, a Mopar integra serviços, peças e operações de atendimento ao cliente, a fim de melhorar o suporte ao cliente e ao revendedor em todo o mundo. A Mopar é a fonte de peças e acessórios genuínos para todas as marcas de veículos FCA US LLC. As peças da Mopar são projetadas em conjunto com as mesmas equipes que criam especificações de fábrica para veículos FCA, oferecendo uma conexão direta que nenhuma outra empresa de peças de reposição pode oferecer. Informações completas sobre a marca Mopar estão disponíveis em  www.mopar.com .

Jeep Performance Parts
O portfólio Jeep Performance Parts, criado em 2012 e oferecido pela Mopar para a marca Jeep, oferece aos entusiastas acessórios de reposição e peças de alto desempenho, como eixos, kits de elevação, pára-choques, guinchos, placas antiderrapantes. , componentes de suspensão e muito mais. Essas ofertas de pós-vendas são projetadas em conjunto com as mesmas equipes que criam especificações de fábrica autorizadas para veículos FCA e ajudam a elevar o desempenho off-road dos melhores veículos da Jeep para o próximo nível. Cada peça e acessório é especificamente projetado, construído e testado quanto à qualidade para ajudar a transformar as viagens em ações em artistas de trilha ainda mais capazes. 

Jeep Safari de Páscoa
O Easter Jeep Safari consiste em passeios de trilha, principalmente viagens de um dia inteiro, partindo de Moab, Utah, durante o evento de nove dias de duração. O Jeep Safari foi iniciado em 1967 pela Câmara de Comércio de Moab como um passeio de um dia. Com o passar dos anos, conforme a participação cresceu, o Safari expandiu-se até finalmente alcançar o atual evento de nove dias. "Big Saturday" continua a ser o culminar do evento no sábado de semana de Páscoa.

Brasileiro de Rally Cross Country etapa de Santa Catarina

Campeão Brasileiro em 2016, Gabriel Varela (Can-Am/Divino Fogão/Arisun/Blindarte/Norton/Cotton Racing) disputará neste final de semana (30/6 e 01/07) o Rally Caminhos da Neve com o ânimo reforçado pela vitória na última prova que disputou. Agora o desafio com o UTV Can-Am Maverick X3 será pela 8ª e 9ª etapas do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country, na região da Coxilha Rica, com largada e chegada no Lages Garden Shopping, às margens Rodovia BR-282, 1015, em Lages (SC).

“Estamos preparados, vimos de uma excelente vitória no Jalapão. A expectativa para este final de semana é muito boa e vamos buscar o lugar mais alto do pódio. A vitória na sétima etapa mostrou que temos equipamento e competência para brigar por mais vitórias e título. E será isto que iremos buscar”, comentou Varela, vice-líder do campeonato.

O Rally Caminhos da Neve vai passar também por São Joaquim – a cidade mais fria do Brasil -, Urubici, Urupema, Painel e Capão Alto, totalizando 650 km de percurso em dois dias, sendo 404 km de Especiais cronometradas. O percurso será bem mesclado, om piso predominante de pedras e cascalho, travessia de riachos, com trechos de baixa e média velocidade, subidas e descidas em serras, passando pela Coxilha Rica.

“Fiz uma prova nesta região em 2016. É uma prova muito dura, bem difícil, com trecho de trial com bastante pedra, um cross country de verdade”, lembra Gabriel. “Para mostrar como o campeonato brasileiro é bem completo e diversificado, viemos de uma prova com temperaturas altíssimas no deserto do Jalapão, a agora vamos enfrentar no sul frio de dois graus centígrados. E com um tipo de terreno completamente diferente, saindo da areia para serras e pedras”, continua o piloto. “Será nossa última prova antes do Rally dos Sertões, em agosto, e servirá para colocar tudo em teste no nosso Can-Am Maverick X3 para tentar repetir a minha vitória de 2016”.

Programação do Rally Caminhos da Neve:

Sexta-feira – 29/06

18h30 – Briefing

19h30 – Largada Promocional – Centro Cultural Vidal Ramos – Sesc (Colégio Rosa),

Sábado – 30/06

10h00 – Largada parque de apoio – DI 38 km

11h00 – Largada 1ª moto na Prova Especial – SS1 232 km

14h00 – Previsão de Chegada 1ª moto – DF 83 km

Super Prime

20h00 – Briefing

Domingo – 01/07

08h30 – Largada Parque de Apoio – DI 35 km

10h30 – Largada 1ª moto na Prova Especial – SS1 172 Km

12h30 – Previsão de Chegada 1ª moto – DF 83 km

Suzuki Jimny ganha sistema multimídia com espelhamento, novo volante e painel com tela digital

Compacto, robusto e 4×4. O Suzuki Jimny é um SUV de muita personalidade, capaz de enfrentar os maiores desafios off-road, além de ser prático para rodar nas grandes cidades graças a seu tamanho e facilidade de manobra. Na versão 2018, o utilitário esportivo ganha novos elementos que o deixam ainda mais completo.

A parte interna está mais moderna, graças ao sistema multimídia com tela de 7 polegadas que permite o espelhamento de celulares com sistemas Android e IOS, além de possibilitar a instalação de acessórios, como câmera de ré e tv digital.

suzuki-jimny-novo-sistema-multimidia

novo volante de três raios agora tem novo desenho, que deixa o interior ainda mais bonito, além de proporcionar excelente empunhadura e um diâmetro ideal, trazendo conforto e praticidade para as manobras. Na versão 4Sport, o volante é revestido em couro.

Outra novidade da linha 2018 é o painel de instrumentos totalmente reestilizado, com novo grafismo e elementos prateados. O cluster recebeu uma tela digital, dando ainda mais visibilidade e fácil acesso as informações, como relógio, odômetro parcial A e B, odômetro total, temperatura do fluído de arrefecimento e volume de combustível no tanque, tudo isso num visual moderno e agradável.

Mais do que um carro, o Jimny está aliado ao estilo de vida alegre, aventureiro e descontraído de seus consumidores. Um dos destaques do Jimny é a valentia fora de estrada. Com o moderno sistema 4×4, a mudança da tração é feita com um simples toque no botão. No total, são 15 combinações de marcha: 2WD para uso urbano com tração traseira, 4WD com tração nas quatro rodas e 4WD-L que dobra o torque e permite enfrentar diversos obstáculos off-road com tração 4×4 com reduzida.

O Suzuki Jimny é nota A quando o assunto é consumo de combustível. Seja na cidade, ou pelo interior do Brasil, o Jimny é para quem tem um estilo de vida próprio e adora encarar aventuras. O visual chama a atenção por onde passa, graças a tomada de ar no capô, snorkel e molduras em grafite nas caixas de roda e laterais do veículo que reforçam o aspecto robusto e off-road. As rodas são de liga leve, aro 15”, e completam o design do único 4×4 compacto do mercado brasileiro. O raio de giro é de apenas 4,9 metros, que auxilia nas manobras até nos lugares mais estreitos, seja em uma trilha em um região inóspita, ou mesmo em uma vaga de garagem.

O veículo possui chassi heavy duty, motor em alumínio e suspensão independentecom eixo rígido, que tornam o Jimny valente para qualquer tipo de terreno. Como um legítimo SUV, traz maior visibilidade e segurança por deixar o motorista em uma posição alta para dirigir.

O Suzuki Jimny é o 4×4 mais barato à venda no Brasil. A versão Jimny 4Work custa R$ 67.490,00 e traz, além da tração nas quatro rodas com a mudança através de botão, ar-condicionado, direção hidráulica, vidros elétricos, rádio AM/FM, CD player com MP3, WMA, USB e Bluetooth. Além dela, o Jimny conta com outras três versões, todas fabricadas no Brasil: Jimny 4All, Jimny 4Sport e Jimny 4Work Off Road.

Preparado para enfrentar as mais difíceis situações, o Jimny tem excelente de altura livre do solo, com 200mm, ângulo de entrada de 35º e de saída 45º, uma versatilidade para todos os tipos de terreno. A versão 4Sport conta ainda com engate traseiro de série. O Jimny 4Sport vem equipado com snorkel, ideal para atravessar trechos alagados.

Desempenho e potência
O Suzuki Jimny é equipado com o moderno motor em alumínio 1.3L (DOHC) a gasolina, com 16 válvulas, 4 cilindros em linha, 85 cavalos de potência a 6.000 rpm com torque máximo de 11.2 kgf.m a 4.100 rpm, injeção multiponto sequencial e transmissão manual de cinco marchas. A corrente de comando, velas de longa duração e escape de aço inox garantem confiabilidade para toda a vida útil do veículo.

Graças ao chassi heavy duty, que garante maior robustez e durabilidade, o Jimny tem apenas 1.060Kg. Com a tecnologia do comando variável de válvulas (VVT), otimiza o torque para todas as faixas de rotação e proporciona resposta rápida nas acelerações. Em conjunto com a injeção eletrônica multpoint sequencial, o sistema garante otimização do consumo de combustível e baixa emissão de poluentes.

O sistema 4×4 tem roda livre pneumática com caixa de transferência sincronizada e gerenciamento eletrônico. Com isso, é possível fazer a mudança de tração com apenas um toque no botão, que fica localizado facilmente no painel. É possível realizar as mudanças entre os modos 2WD e 4WD em velocidades de até 100 km/h.

As suspensões dianteira e traseira são independentes com eixo rígido e molas helicoidais, que garantem reduzido custo de manutenção e aumentam a longevidade do Jimny.

Segurança e praticidade
O Jimny possui barras de proteção lateral, para maior segurança dos passageiros, e o motorista ainda dispõe de coluna de direção retrátil em caso de colisão. Os cintos são de três pontos e encostos de cabeça ajustáveis para todos os ocupantes.

Os freios a disco na dianteira possuem as pinças em posição mais elevada. Assim, facilitam a transposição em trechos alagados, ao trazer eficiência de frenagem com o escoamento de água, e evitam retenção de terra ou lama. Na traseira, o freio a tambor com válvula sensível a carga (LSVB) traz controle de frenagem e direção mais eficiente. 

No interior, o Jimny apresenta um projeto ergonômico com bancos que possuem diversas configurações, sendo os traseiros bipartidos e rebatíveis com cinco posições de inclinação. Proporcionam conforto e praticidade ao adequar as necessidades de bagagem em qualquer situação. 

 A direção hidráulica progressiva é leve nas manobras e firme à medida que a velocidade aumenta. Garantia de direção confortável, estável e segura. 

O Jimny é fabricado no Brasil desde 2012, o que representa rápida reposição de peças nas concessionárias da marca. São três anos de garantia e o modelo tem revisão programada com preço fixo, o que garante a tranquilidade do proprietário com a manutenção do veículo.

Valores
Jimny 4All – R$ 68.890,00
Jimny 4Sport – R$ 76.690,00
Jimny 4Work – R$ 67.490,00
Jimny 4Work Off Road – R$ 75.290,00

Conheça o Rockstar Energy Moab Extreme Off-roader da Hyundai

Rockstar Moab Extreme Concept aproveita os conceitos anteriores de Santa Fe Sport com uma configuração completamente reestruturada, construída para suportar os limites de Moab, Utah

A Hyundai lançou seu primeiro conceito sintonizado para o SEMA de 2017: o Rockstar Energy Moab Extreme Off-roader Santa Fe Sport Concept. A Rockstar projetou o conceito para suportar as melhores demandas de deslocamentos extremos em Moab, Utah, considerada uma das regiões mais desafiadoras do mundo.

"O Rockstar Energy Moab Extreme Concept foi projetado especificamente para suportar as demandas extraordinárias do terreno off-road Moab", disse Nic Ashby, Rockstar Marketing. "Aproveitando a excelente plataforma esporte e o motor de Santa Fe Sport, nós definitivamente empurramos suas capacidades para novos limites para conquistar o auge dos desafios no Moab".

 

MODIFICAÇÕES DO ROCKSTAR ENERGY MOAB CONCEPT

  • R1 Conceitos , dianteiro de 6 pistões e kit de freio traseiro com 4 pistões
  • KING , Coil-over Suspension e 2.5 "Bypass interno com reservatórios
  • Rodas de trinco de trilhas off-road KMC de 17 polegadas
  • Pneus fora da estrada Mickey Thompson 35×12.50R17 Baja MTZ
  • Projetores HID OEM faróis e luzes traseiras atualizadas OEM
  • Intercooler Mishimoto , Downpipe, Rockstar Energy Catch Can, Reservatório de transbordamento de refrigerante
  • Yukon Gear and Axle Drive train Acessórios
  • AEM Intake
  • KICKER sistema de som de áudio,
  • Interior de couro personalizado Roadwire
  • Bateria seca da bateria Odyssey
  • Placas de deslizamento Rockstar Performance Garage , pára-choques com Warn® winch & Factor 55 Link
  • Rockstar Performance Garage Barco de tejadilho personalizado com iluminação LED Bulldog
  • sPOD, fonte Bantam 12v
  • Proteção contra o calor dos produtos Heatshield
  • Escape MagnaFlow
  • Scosche Magic Mounts, Bluetooth Speakers e acessórios de estilo de vida
  • Nitrous Express wet system
  • Bulletliner Proteção de cama de cama
  • Casacadia Tents
  • Tintman , Thermal Heat protection
  • Tanque portátil Powertank para recarregar pneus na trilha

Nova Ford Expedition FX4 2018

NOTÍCIA DIRETO DA REDAÇÃO – USE O TRADUTOR DO SEU NAVEGADOR PARA TRADUZIR ESSA NOTÍCIA CLICANDO NO BOTÃO DIREITO DO SEU MOUSE.

DEARBORN, Mich., June 16, 2017 – For the more than 20 percent of Expedition owners that use their SUV for off-road adventure, Ford introduces the all-new 2018 Expedition FX4 Off-Road Package, making this the most off-road-capable Expedition ever.

“The FX4 Off-Road package delivers off-road driving confidence,” said Mike Kipley, Expedition vehicle engineering manager. “The technology we’re using works to adapt to different driving conditions so customers can enjoy the adventure without worry.”

Expedition’s all-new high-strength, aluminum-alloy body and redesigned high-strength steel frame form the foundation for its off-road and towing capabilities. The use of advanced materials enabled engineers to save up to 300 pounds, with much of the savings reinvested to offer customers more technology and features than ever before.

FX4 Off-Road Package includes:

18expedition-fx4_05_hr

  • Patented electronic limited-slip rear differential to help improve off-road performance in low-traction situations by automatically varying power output side-to-side, depending on which wheels need extra traction. With 3.73:1 gearing, the electronic limited-slip rear differential also improves towing performance and capability
  • Off-road-tuned shocks more stiffly tuned to keep wheels in contact with the road
  • All-terrain tires with thicker sidewalls to maintain a smooth ride while delivering the traction needed over rough terrain
  • Seven different skid plates that serve as underbody armor and protect critical areas. They include a new sand shield to protect the turbocharger intercoolers from getting clogged when driving through tall berms in sand dunes, plus steel plates to protect steering gear, engine, transmission and transfer case and a full-length guard for the fuel tank. To help climb over tall or steep obstacles, the chin spoiler beneath the front bumper has been shortened to improve approach angles
  • Unique 18-inch Magnetic Metallic-painted cast-aluminum wheels
  • Chrome running boards
  • FX4 badging on the liftgate and front fender
  • New rubber floor liners featuring deep side sills that can be removed and cleaned of any mud, sand or water that gets dragged in on family adventures

Expedition’s all-new easy-to-use Terrain Management System™ lets FX4 customers select from seven special drive modes that help Expedition automatically adapt to different road conditions. This includes normal for around town driving, sport for more spirited trips, tow/haul for improved towing and hauling performance, eco for enhanced fuel economy, grass/gravel/snow for loose terrain, sand for low traction situations and mud/rut for uneven surfaces. Expedition FX4 drivers also can manually select either 2WD or 4WD modes in a given drive mode, depending on their preferences and terrain.

The all-new Expedition provides generous space, connectivity and smart new technology. The Expedition FX4 Off-Road Package has a powerful 3.5-liter EcoBoost® engine, rated at 375 horsepower and 470 lb.-ft. of torque, plus standard Auto Start-Stop, an all-new 10-speed transmission and available best-in-class towing of 9,300 pounds.

The all-new Expedition’s roomy, flexible interior offers seating for up to eight people with a wide cargo area to hold their gear, depending on cargo weight and load distribution. Expedition features a second-row seat with tip-and-slide functionality – providing easy access to the third row without the need to first remove a child safety seat. Once in the third row, even adults will appreciate more legroom and reclining seats.

The all-new Expedition lineup, including the FX4 Off-Road Package, goes on sale this fall.

 

About Ford Motor Company

Ford Motor Company is a global company based in Dearborn, Michigan. The company designs, manufactures, markets and services a full line of Ford cars, trucks, SUVs, electrified vehicles and Lincoln luxury vehicles, provides financial services through Ford Motor Credit Company and is pursuing leadership positions in electrification, autonomous vehicles and mobility solutions. Ford employs approximately 202,000 people worldwide. For more information regarding Ford, its products and Ford Motor Credit Company, please visit www.corporate.ford.com.​​

JEEP® E MOPAR REVELAM SEIS NOVOS CONCEITOS PARA O 51º EASTER JEEP SAFARI EM MOAB

As marcas Jeep® e Mopar se juntaram mais uma vez para desenvolver uma nova “safra” de veículos especiais que estrearão no anual Easter Jeep Safari em Moab, Utah, de 8 a 16 de abril. Em seu 51º ano, o Easter Jeep Safari tem a presença de milhares de entusiastas de off-road dispostos a passar uma semana enfrentando algumas das trilhas mais conhecidas e desafiadoras dos Estados Unidos.

"É verdadeiramente um trabalho de amor para a equipe da Jeep desenvolver veículos concetuais tão emocionantes e capazes todos os anos para Moab e o Easter Jeep Safari", disse Mike Manley, CEO global da marca Jeep. "Estamos ansiosos para ver a reação e o feedback dos entusiastas e dos nossos clientes mais leais assim que esses novos conceitos da Jeep forem colocados nas trilhas de Moab.”

"A Jeep e a Mopar vêm se juntando ao longo de 15 anos para criar veículos conceituais únicos, divertidos e altamente capazes para o popular Easter Jeep Safari em Moab", disse Pietro Gorlier, CEO global da Mopar. "Estes conceitos são um exemplo perfeito de como os entusiastas off-road podem usar a linha Jeep Performance Parts para personalizar e elevar a já alta capacidade Jeep¿¿, permitindo a eles enfrentar as trilhas mais difíceis do mundo.”

Os veículos conceituais do Easter Jeep Safari 2017 são:

Jeep Grand One

O Jeep Grand One comemora os 25 anos de lançamento do Grand Cherokee com um toque de modernidade em um clássico exemplar do primeiro ano/modelo, 1993.

Jeep® Grand One Concept

Algumas das modificações são as rodas personalizadas de 18 polegadas, alargadores de para-lamas com mais espaço para as rodas, distância entre eixos estendida e um sutil tratamento de madeira na carroceria.

O conceito Grand One tem ainda pneus BFGoodrich Mud-Terrain KM2 de 33 polegadas, eixos dianteiro e traseiro equipados com diferenciais de bloqueio selecionáveis ¿¿e suspensão elevada em 5 cm. No interior, continua a celebração do Grand Cherokee original com toques inspirados nos anos 1990 como um telefone veicular antigo como acessório no painel. O Grand One tem o conjunto mecânico original com motor Magnum V8 de 5,2 litros acoplado a um câmbio automático de quatro marchas.

Jeep Quicksand

jeep-quicksand_2

Criado para os entusiastas que amam a vida na areia, o Quicksand (areia movediça em inglês) é um Jeep hot rod barulhento, rápido e divertido. Por isso, o motor é um V8 HEMI® Mopar 392 (6,4 litros) combinado a um câmbio manual Getrag de seis velocidades. A enorme abertura no capô e as “cornetas” cromadas reforçam o visual vintage. Os pneus BFGoodrich Mud-Terrain são de 32 polegadas na frente e de 37 atrás.

jeep-quicksand_5

Este Wrangler hot rod teve a distância entre eixos alongada mas a frente e a traseira foram encurtadas, bem como o teto e o para-brisas são bem mais baixos, no estilo chopped. A abertura no topo e a ausência de vidros nas janelas permitem sentir o prazer do vento no rosto.

jeep-quicksand_7

Entre os “easter eggs”, no para-lamas dianteiro esquerdo, o tradicional emblema Trail Rated foi substituíudo por um X-Rated (classificação pornográfica de filmes), com o desenho de um Jeep largando numa pista de arrancada. E na tampa do tanque de gasolina se lê Detroit Rocket Fuel Only (“Somente combustível de foguete de Detroit”).

jeep-quicksand_6

O vermelho dá o tom no interior minimalista com bancos de encosto baixo, painéis de porta de chapa de alumínio, volante do Dodge Viper e alavanca de câmbio curva e vazada finalizada por uma manopla de acrílico com uma miniatura de Jeep dentro, lembrando aquelas bolas de câmbio com caranguejos típicas dos anos 1970.

jeep-quicksand_3

O Quicksand também possui um guincho Warn escondido em um "Moon tank" montado na frente da grade dianteira. E atrás, uma corda de recuperação ocupa o espaço do tradicional pára-quedas dos dragsters, os carros de arrancada.

jeep-quicksand_4

Jeep Safari

jeep-safari_1

Já o conceito Jeep Safari tem a ver com se sentir ao ar livre mantendo as portas e o teto, com especial ênfase em dar aos passageiros de trás uma excelente vista. Este conceito high-tech, baseado no Wrangler, conta com teto translúcido, bagageiro de teto de alumínio de dois níveis com um drone incorporado, para-brisas mais inclinado, faróis e lanternas traseiras de LEDs.

jeep-safari_2

As inéditas "windoors" (mistura das palavras janela e porta em inglês) do Safari, feitas de alumínio leve e vinil transparente, são articuladas para que elas se abram como um gabinete. Aberturas com zíper permitem que o ar fresco entre. No interior, as duas poltronas traseiras giram para fora, tornando mais fácil para os ocupantes olharem para o que está à volta do Safari. Também se sobressai o iPad montado no centro do painel.

jeep-safari_3

Jeep Trailpass
O Jeep Trailpass leva o Compass Trailhawk um passo adiante para uma aventura off-road extrema. A suspensão elevada em 4 cm e os pneus Continental TerrainContact de uso misto montados em rodas de 18 polegadas aumentam a capacidade off-road do conceito Trailpass. Entre as peças da linha Jeep Performance Parts estão o bagageiro tipo cesta no teto da Mopar/Thule.

jeep-trailpass
O Jeep Trailpass é alimentado pelo motor Tigershark de 2,4 litros e acoplado a uma transmissão automática de nove velocidades.

Jeep Switchback
jeep-switchback_1

Com o estilo marcado pelas meia-portas vazadas e sem janelas, o Jeep Switchback é equipado com uma variedade de peças Mopar e Jeep Performance Parts ¿¿para o máximo desempenho off-road.

jeep-switchback_2

O Switchback tem eixos dianteiro e traseiro Dana 44, suspensão elevada em 10 cm com amortecedores Fox, capas de diferencial reforçadas, para-choques de aço do Wrangler Rubicon 10th Anniversary e guincho, entre outras. As rodas são 17 polegadas com pneus BFGoodrich Mud-Terrain KM2 de 37 polegadas.

Jeep CJ66

jeep-cj66_1
Pegue o chassi do Jeep Wrangler TJ (geração anterior, de 1997 a 2006), coloque nele a carroceira do Jeep Wrangler CJ Universal Tuxedo Park 1966, adicione elementos do Wrangler JK, eixos Dana 44, empodere-o com um V8 Mopar HEMI 5.7 de 388 cv, câmbio manual de seis marchas e você tem o Jeep CJ66.

jeep-cj66-2

Esse conceito, que surgiu no SEMA Show 2016, em novembro, em Las Vegas, exibe pintura cobre e pneus de 35 polegadas BFGoodrich todo-terreno montados em rodas de 17 polegadas da Jeep Performance Parts com beadlocks, além de suspensão elevada em 5 cm. Por dentro, os bancos são os mesmos do Dodge Viper enquanto o console central é do Jeep Wrangler atual.


Jeep Luminator
Este conceito reina em iluminação off-road, com um arsenal completo de recursos para oferecer visibilidade superior na trilha, desenvolvido em conjunto com a divisão de iluminação da Magneti Marelli.

jeep-luminator_1

Baseado no Wrangler, o Jeep Luminator apresenta luzes por baixo da carroceria, faróis de 7 polegadas com projetor de LEDs de dupla função, lâmpadas traseiras de LEDs exclusivas, LEDs de alta potência montadas na coluna A, faróis de neblina acima do para-choque com função cornering (acompanha a direção) e spot lights auxiliares de LEDs protegidos atrás do para-brisa. O Jeep Luminator também inclui versões de LEDs dos faróis de neblina padrão de 100 mm e luzes de seta especiais montadas na grade.

jeep-luminator_3

No capô do Luminator há um módulo de LEDs de varredura com spot ativo e tecnologia dinâmica, que oferece iluminação focada para identificar animais ou perigos na trilha. Na parte traseira, a luz de freio central tem LEDs em quatro cores que atuam como um aviso para os trilheiros que vêm atrás, indicando parar (vermelho), 2 a 5 km/h (âmbar), 5 a 40 km/h (verde) ou fornecer iluminação para inundação (branca).

jeep-luminator_2

Outras características incluem um painel solar no teto, almofada para aterrissagem de drone, caixa removível sobre o estepe e uma tela de toque capacitivo na janela traseira esquerda ligada a serviços de GPS e internet.

Paraguai no rota do Dakar 2017

Este ano, o Dakar visitará o seu 29º país e o Paraguai espera por nós para o 'Una Fiesta Fenomenal' ", disse o entusiasmado Etienne Lavigne na abertura da conferência de apresentação para o Dakar de 2017, enquanto seu diretor esportivo Marc Coma prometeu a todos os aventureiros a" Edição da história do rally sul-americano ". E é de fato um Dakar de contrastes que se aproxima no horizonte em janeiro. Os competidores partirão de Assunção sob um clima tropical e calor acima de 40 ° Celsius, então enfrentarão temperaturas negativas alguns dias depois … para aqueles que passarem durante a noite no Altiplano boliviano.A amplitude térmica será principalmente a conseqüência do aumento da altitude que o Dakar vai experimentar, deixando o nível do mar para chegar a quase 5.000.

Depois de várias incursões perto de Uyuni desde 2014, agora os competidores ferão exploração adequada da Bolívia. Incluindo o dia de descanso em La Paz, os pilotos e tripulações vão ficar nas montanhas altas por uma semana inteira. A gestão física e mecânica das alterações atmosféricas estará entre os parâmetros a ter em conta. Mas o processo de remoção de ervas daninhas basear-se-á, acima de tudo, no essencial para o sucesso do rally-raid: a aptidão de navegação, a que se deve prestar mais atenção com as modificações introduzidas no sistema de orientação; Etapas de mais de 400kms, cruzamento de dunas e condução em areia, especialmente nas seções de rotas ainda desconhecidas para os regulares do rally-raid ou durante o importante estágio "Super Belen", a três dias da linha de chegada em Buenos Aires.

O programa anunciado pelos organizadores mergulha os candidatos para os vários títulos em uma nova fase de preparação. Na categoria moto, Toby Price é o favorito, mas os recém-chegados do ano passado continuaram a impressionar durante a temporada, seja Kevin Benavides (Honda) ou Adrien van Beveren (Yamaha). Na categoria carro, a Peugeot Dream Team permaneceu intacta, mas para ir contra Peterhansel, Loeb, Sainz e Despres, a Toyota estava particularmente ocupada no mercado de transferências. Além de Giniel de Villiers, a Hilux Pickups será conduzida pelo duas vezes vencedor Nasser Al Attiyah (2011 e 2015) e pelo campeão de 2004, Joan "Nani" Roma. Os Minis da Team X-Raid vão tentar adicionar um quinto troféu a coleção com Mikko Hirvonen, 4º na sua estréia em 2016, mas também terão "Orly" Terranova assim como Yazeed Al Rahji, enquanto o superstar americano Bryce Menzies entrar para o mundo de rally-raid. E na categoria de caminhões, Gerard De Rooy voltará a ter seu companheiro de equipe argentino Fernando Villagra, que se juntou a ele no pódio em janeiro passado, mas Kamaz vai tentar voltar para suas vitórias com Ayrat Mardeev e Eduard Nikolaev. Ales Loprais poderia criar uma surpresa com uma equipe checa e Tatra que permitiu Karel ganhar seis vezes.