Torcida vibra mais com escapadas da pista do que com brasileiros na definição do grid

Com os quatro representantes brasileiros distantes da disputa pela pole position, a torcida presente em bom número ao Anhembi acabou se apegando a um outro tipo de diversão durante o treino de classificação para a etapa da Indy em São Paulo, neste sábado. As escapadas de pista foram os momentos mais comemorados pelos fãs no complexo montado junto à marginal do rio Tietê.

A diversão consistia em “secar” os carros em pontos de maior exigência técnica. Quem mais se aproveitou desta prática foram os torcedores localizados nas arquibancadas no final da reta do sambódromo. Cada carro que fazia uso da área de escape após perder a tomada da curva ganhava uma ovação calorosa dos aficionados.

O momento de maior delírio do público deste setor aconteceu quando o canadense James Hinchcliffe não conseguiu controlar a sua Andretti Autosport e foi passear na área de escape no final da reta do sambódromo. A cena motivou o coro de “barbeiro, barbeiro” das arquibancadas.

Melhor brasileiro da sessão classificatória, na 12ª colocação, Tony Kanaan foi o piloto do país que mais empolgou o público presente ao circuito do Anhembi. O representante da KV Racing não conseguiu avançar à disputa para a pole, mas no final de sua participação passou lentamente pela reta do sambódromo saudando os fãs.

Os outros brasileiros da categoria não conseguiram passar da primeira parte do treino. Rubens Barrichello vai largar na 13ª posição. Depois de bater na sessão livre da manhã, Helio Castroneves larga em 20º lugar. Bia Figueiredo parte do 23º posto do grid.

A pole da São Paulo Indy 300 ficou com o australiano Will Power, vencedor da prova nas duas edições anteriores. O piloto da Penske cravou 1min21s404 e larga na frente de Dario Franchitti e Scott Dixon (ambos da Chip Ganassi).

Fonte: uol

Você também pode gostar...